Em março, foi lançado o Programa Mães de Pernambuco, auxílio ao Bolsa Família que visa ajudar 100 mil mulheres em situação de vulnerabilidade no estado. O programa oferece um auxílio mensal de R$ 300 para essas mães.

Para se qualificar, é necessário atender a cinco critérios simples:

  1. Morar em Pernambuco;
  2. Ser beneficiária do Programa Bolsa Família, com dados atualizados no Cadastro Único (CadÚnico);
  3. Ser a responsável pela família;
  4. Estar grávida ou ser mãe de uma criança de 0 a 6 anos;
  5. Não ter vínculo empregatício formal.

Os recursos mensais de R$ 30 milhões, provenientes do Tesouro Estadual, estão garantidos no orçamento de 2024.

Continua após a publicidade:

Data de pagamento do Mães de Pernambuco

O primeiro pagamento está marcado para 13 de maio, conforme anunciado pelo governo estadual. A partir de junho, o benefício extra de R$ 300 será creditado junto com o pagamento mensal do Bolsa Família, que ocorre sempre na segunda quinzena de cada mês.

Como saber se você foi selecionada:

Para saber se foi selecionada, a mulher precisa acessar o site www.maesdepernambuco.pe.gov.br e informar seu Número de Identificação Social (NIS) e data de nascimento. Se estiver qualificada, deve confirmar o interesse em receber o auxílio. Não é necessário fazer um novo cadastro, pois o programa utiliza os dados do Bolsa Família.

É importante manifestar o interesse até o dia 25 de abril no site oficial do Mães de Pernambuco.

Continua após a publicidade:

Atendimento e Dúvidas:

Para garantir um atendimento eficiente às mulheres com dúvidas, a Secretaria de Assistência Social (SAS) estabeleceu um call center especial na sua Ouvidoria Social, com dez profissionais dedicados exclusivamente ao público do programa Mães de Pernambuco.

Você pode entrar em contato com a Ouvidoria Social de forma gratuita ligando para o número 0800.081.4421. Além disso, é possível enviar mensagem pelo WhatsApp (81) 9-8494.1298 ou por e-mail para ouvidoria@sas.gov.pe.br.