Uma adolescente, de 16 anos, foi resgatada na noite de sexta-feira, 10 de maio, em uma casa de prostituição localizada na BR 408, em Paudalho, na Zona da Mata Norte de Pernambuco.

O proprietário do estabelecimento e duas mulheres suspeitas de traficar drogas no local foram detidos na ação.

O flagrante ocorreu durante as operações Domiduca X e Caminhos Seguros, realizadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Civil de Pernambuco (PCPE), por meio do Departamento de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), e Ministério Público do Trabalho (MPT).

As operações consistem em uma série de ações voltadas à identificação de pontos vulneráveis à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes (ESCA), repressão e conscientização sobre esse tipo de crime.

Ao chegar em um bar localizado às margens da rodovia, a equipe constatou que havia diversos quartos destinados à prática da prostituição.

Durante a fiscalização das pessoas, foi encontrada a adolescente, que afirmou ter ido ao local com a finalidade de ser explorada sexualmente.

Duas mulheres também foram flagradas com porções de maconha e são suspeitas de venderem a droga no estabelecimento. Uma delas disse que era gerente do local. Elas também foram autuadas por ameaça, pois estavam coagindo a adolescente para não falar.

A adolescente foi acompanhada para prestar depoimento em escuta especializada encaminhada junto ao Conselho Tutelar para sua residência.

O proprietário foi encaminhado junto com as mulheres à Delegacia de Polícia Civil de Nazaré da Mata. Além do crime de exploração sexual infanto-juvenil, o homem poderá responder por rufianismo, que consiste em se aproveitar financeiramente da prostituição de outra pessoa.