A Prefeitura de Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro, abriu as inscrições de Processo Seletivo para preencher 199 vagas no cargo de agentes de combate a endemias e comunitários de saúde.

Ambos os cargos oferta remuneração mensal de R$ 2.824,00, com carga horária de 40 horas semanais.

As vagas são divididas da seguinte forma:

  • 135 para agentes comunitários de saúde
  • 64 vagas para agentes de combate a endemias.

Fica reservado aos negros e índios o percentual correspondente a 20% (vinte por cento) das vagas oferecidas no Processo Seletivo Público aos candidatos que se autodeclararem pessoa preta, parda ou indígena.

Os candidatos tem até o dia 21 de março para se inscreverem no certame através do site da banca organizadora, Instituto Avalia. O valor da taxa de inscrição é de R$ 60.

Terão direito a isenção da taxa os candidatos que estiverem desempregados, doadores de medula óssea, trabalhadores que recebem até dois salários mínimos e jovens beneficiários do Programa ID Jovem.

O certame terá validade de dois anos a contar da data de homologação do processo, podendo ser prorrogado por igual período a critério da Administração Municipal.

Remuneração de Agentes de Saúde

Para 2024, os agentes comunitários de saúde (ACS) e de combate às endemias (ACE) contam com um novo valor de remuneração.

Em portaria publicada no Diário Oficial da União, o Ministério da Saúde anunciou o reajuste, realizado anualmente com base no aumento do salário mínimo – que hoje é de R$ 1.412,00 após o aumento de 7,7% em 2023. A atualização contempla o piso nacional da categoria, estabelecido em dois salários mínimos.

Os recursos são oriundos da União e repassados aos estados e municípios, que são responsáveis pela remuneração dos agentes.

Estes trabalhadores são fundamentais para a expansão do acesso à saúde, atuantes na prevenção e no controle de doenças e agravos mesmo nos territórios mais remotos do país.