Oportunidade

SELEÇÃO MINISTÉRIO DA SAÚDE: saiba em quais áreas estão distribuídas as 300 vagas ofertadas

Os contratados deverão desempenhar funções em jornada de 40 horas semanais, com remuneração variando de R$ 3.800,00 a R$ 8.300,00.

Processo seletivo do Ministério da Saúde. Foto: Divulgação
Processo seletivo do Ministério da Saúde. Foto: Divulgação

O Ministério da Saúde anunciou a abertura de um novo processo seletivo através do Diário Oficial da União, oferecendo um total de 300 vagas para lotação nas Superintendências Estaduais do Ministério da Saúde (SEMS) e no Fundo Nacional de Saúde (FNS).

As oportunidades são para candidatos de nível superior e estão distribuídas entre diversos cargos, incluindo Gestor, Analista de Dados e Controle de Qualidade, Analista de Requisitos Processuais, Normativos, Econômicos, Financeiros e Políticas de Saúde, Analista Técnico em Edificações, Analista Técnico em Equipamentos e Técnico Administrativo.

Os contratados serão alocados no Distrito Federal e nos estados de Goiás, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul, Pernambuco e Pará, para desempenhar funções em jornada de 40 horas semanais, com remuneração variando de R$ 3.800,00 a R$ 8.300,00.

Dentre as vagas disponíveis, há reservas para candidatos com deficiência (PCD) e também para os que se enquadram nos critérios de ampla concorrência (AC) e negros (NE), conforme estabelecido no edital de abertura.

As inscrições devem ser realizadas exclusivamente pela internet, através do site do Instituto AOCP, no período de 8 a 29 de abril de 2024.

Para confirmar a inscrição, os candidatos devem pagar uma taxa no valor de R$ 36,00.

Haverá isenção da taxa de inscrição para candidatos economicamente hipossuficientes inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) e para doadores de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde.

Os pedidos de isenção devem ser solicitados entre os dias 9 e 10 de abril de 2024, conforme orientações disponíveis no site mencionado.

A seleção dos candidatos será realizada por meio da avaliação de títulos e experiência profissional, conforme especificado no edital.

O processo seletivo do Ministério da Saúde terá validade de um ano, prorrogável por igual período, a contar da data da publicação da homologação do resultado final.