Continua após a publicidade:

A seleção pública simplificada do Governo de Pernambuco, destinada à contratação temporária de 30 profissionais de diversas áreas, está com as inscrições abertas até quinta-feira, 20 de junho.

📲 Entre no nosso grupo de WhatsApp e receba as notícias do Portal de Prefeitura no seu celular

Continua após a publicidade:

O certame, elaborado pelas Secretarias de Administração (SAD) e de Defesa Social (SDS), consiste em etapa única eliminatória e classificatória de avaliação curricular. As remunerações chegam até R$ 5.200,00. As atribuições e tabela de pontuação podem ser conferidas no edital publicado no Diário Oficial, do último sábado (1º de junho).

Os profissionais atuarão no âmbito da SDS, nos municípios do Recife, Caruaru, Serra Talhada e Petrolina, com carga horária de 40 horas semanais. Além das áreas de arquitetura, engenharia e administração, também há vagas disponíveis para funções relacionadas a cálculo estrutural, instalações hidrossanitárias, manutenção predial e tecnologia da informação.

O processo seletivo do Governo de Pernambuco terá prazo de validade de 24 meses, prorrogável por até igual período, a contar da homologação do resultado final. Para participarem, os interessados devem acessar o site https://selecionases.saude.pe.gov.br/SelecionaSES/login. O resultado final está previsto para ser divulgado no dia 23 de julho.

Continua após a publicidade:

A secretária de Administração, Ana Maraíza, avaliou a importância dessa seleção pública simplificada. “Por meio desse certame, profissionais de excelência e de diversas áreas contribuirão para o aprimoramento das atividades realizadas na Secretaria de Defesa Social”, ressaltou.

Entre os requisitos básicos para a contratação, os aprovados no processo seletivo também precisam ter idade mínima de 18 anos completos ou serem emancipados civilmente; não acumular cargos, empregos ou funções públicas, salvo os casos constitucionalmente admitidos; ter certificado de reservista ou de dispensa de incorporação, em caso de candidato do sexo masculino; estar em dia com as obrigações eleitorais; não estar impedido de firmar nova Contratação Temporária no âmbito do Poder Executivo do Estado de Pernambuco, entre outras exigências.