Continua após a publicidade:

A Neoenergia Pernambuco, com a participação da Polícia Civil e do Instituto de Criminalística – IC, identificou um desvio de energia elétrica na fábrica de tijolos ‘’Cerâmica Jurema’’, localizada no Sítio Inveja Rural, no município de São José do Belmonte, Sertão do Estado.

As equipes técnicas da concessionária estiveram no estabelecimento e constataram a irregularidade.

Continua após a publicidade:

📲 Entre em nosso canal de transmissão no TELEGRAM e fique por dentro das últimas notícias sobre POLÍTICA, FUTEBOL, CONCURSOS e RELIGIÃO em um só lugar.

A ação foi motivada pelas análises da área de inteligência da empresa, que apontaram indícios de fraude na medição de energia elétrica dos imóveis.

A inspeção confirmou que os locais estavam consumindo energia sem passar pela medição. Na ocorrência, duas pessoas foram detidas por furto de energia elétrica.

Continua após a publicidade:

Em cálculos técnicos realizados pelas equipes da distribuidora, o volume de energia furtado foi de 43.996,74 mil kWh, quantidade suficiente para abastecer cerca de 400 casas por 30 dias.

Toda energia não medida será cobrada do cliente, conforme determinações da legislação do setor elétrico.

Como denunciar

Caso alguma pessoa desconfie de ligações clandestinas ou mesmo de furto de energia por fraude no medidor, o cliente pode entrar em contato com a Neoenergia Pernambuco por meio do 116 e fazer a denúncia. A identidade será mantida em sigilo.

Continua após a publicidade:

Além de crime, essas ações colocam em risco a segurança de toda a localidade e prejudicam consideravelmente a qualidade, a continuidade e confiabilidade da rede de distribuição de energia elétrica.