Um gesto de solidariedade resultou em uma punição para o jogador Raphinha, do Barcelona, durante uma partida do Campeonato Espanhol contra a Real Sociedad. Natural do Rio Grande do Sul, estado brasileiro que enfrentava fortes chuvas e inundações, Raphinha marcou um gol e, na comemoração, exibiu uma mensagem pedindo orações pela sua terra natal.

No entanto, a atitude do jogador resultou em um cartão amarelo por violar uma regra que proíbe os jogadores de tirarem a camisa do time durante uma partida. Além disso, o Comitê de Disciplina da Federação Espanhola decidiu multar Raphinha em € 601 (cerca de R$ 3,3 mil), enquanto o time também foi multado em € 350 (aproximadamente R$ 1,9 mil) pelo gesto.

Segundo o portal GE, a multa foi imposta no montante mínimo estipulado pelo artigo 96 do Código Disciplinar espanhol.

Rodrygo, atacante do Real Madrid e formado pelo Santos F.C., fez um gesto semelhante, mas sem consequências de multa, devido à diferença no contexto da competição.

Em uma partida, ele expressou solidariedade com o estado gaúcho e pediu orações através de uma mensagem estampada em uma camiseta que usava por baixo do uniforme. Não foi durante a comemoração de um gol, mas sim quando, levantou a camisa do time para cobrir o rosto, quando lamentava uma defesa do goleiro adversário.