A Copa América de 2024 deve distribuir um valor recorde de US$ 72 milhões (R$ 370 milhões na cotação atual). De acordo com a ESPN norte-americana, cada equipe receberá US$ 2 milhões apenas por participar, enquanto o restante será pago conforme as classificações finais – podendo chegar a US$ 16 milhões adicionais de premiação.

Continua após a publicidade:

📲 Entre no nosso grupo de WhatsApp e receba as notícias do Portal de Esportes no seu celular

Assim, o Brasil ou qualquer outra seleção que se consagre como vencedora vai levar para casa US$ 18 milhões (R$ 92,5 milhões) ao todo. Serão 16 participantes (incluindo a atual campeã Argentina), que entrarão em campo entre os dias 20 de junho e 14 de julho, em 14 estádios dos Estados Unidos.

O torneio é organizado pela Conmebol e pela Concacaf, as confederações da América do Sul e da América do Norte, Central e Caribe, respectivamente. As equipes foram divididas em quatro grupos com quatro membros cada um, classificando-se para o mata-mata os dois melhores colocados de cada chave. O Brasil está no Grupo D e enfrentará Colômbia, Paraguai e Costa Rica na primeira fase da Copa América.

A estreia da seleção, sob o comando de Dorival Júnior, está marcada para o dia 24 de junho. Os adversários serão os costarriquenhos, no SoFi Stadium, em Los Angeles, Califórnia.

Confira as premiações da Copa América 2024

  • Campeão: US$ 16 milhões (R$ 80 milhões)
  • Vice-campeão: US$ 7 milhões (R$ 36 milhões)
  • 3º colocado: US$ 5 milhões (R$ 26 milhões)
  • 4º colocado: US$ 4 milhões (R$ 2,50 milhões)
  • 5º a 8º colocados: US$ 2 milhões (R$ 10 milhões)

Os valores acima não incluem a taxa de participação de US$ 2 milhões

Estadão Conteúdo.