Continua após a publicidade:

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva intimou o árbitro pernambucano Rodrigo José Pereira a dar explicações sobre os dois cartões amarelos que resultaram a expulsão do atacante Hulk, do Atlético Mineiro. Além disso, a CBF chamou a comissão de arbitragem para prestar esclarecimentos sobre a atuação do árbitro.

📲Entre no nosso grupo de WhatsApp e receba as notícias do Portal de Esportes no seu celular.

Continua após a publicidade:

O STJD pediu esclarecimentos para que um promotor analise o caso e defina se a infração será arquivada ou se os envolvidos serão denunciados. Segundo o Atlético Mineiro, o árbitro “Cometeu uma sequência estarrecedora de equívocos ao aplicar dois cartões amarelos ao atleta Hulk”. O Galo ainda acrescenta que o jogador se dirigiu a arbitragem de maneira respeitosa. Dessa forma, o clube solicita a apresentação de uma denúncia contra o árbitro.

Relembre o lance da expulsão do Hulk

A expulsão aconteceu após uma disputa de bola entre Hulk e o atacante Zé Rafael e o meia Murilo. O jogador atleticano cai e o arbitro marca a falta para o Galo. Após a marcação, o atacante do time mineiro levanta para reclamar e leva o primeiro amarelo. Em sequência, Hulk segue reclamando com o árbitro, que aplica o segundo amarelo, e por consequência, é expulso.

Continua após a publicidade: