Ao menos cinco pessoas morreram em um acidente na rodovia BR-277 que liga Curitiba a Ponta Grossa, no Paraná, por volta das 14h30 do sábado, 2 de setembro.

Em um primeiro momento, a PRF falou em sete mortos, mas o número foi atualizado na manhã deste domingo (3). Não há informações sobre o número certo de feridos.

De acordo com a PRF (Polícia Rodoviária Federal), chovia no momento do acidente e havia neblina. Vários carros se envolveram em um engarrafamento – o número total de veículos ainda não foi informado pela corporação.

No momento, não há previsão para a liberação da rodovia.

Equipes da PRF, Bombeiros, Polícia Militar, Polícia Civil, Criminalística, IML, DER e Guarda Municipal de Campo Largo participam do atendimento.

A rodovia permanece interditada no sentido Ponta Grossa (PR). No sentido Curitiba (PR) não há interdição, porém o trânsito está com lentidão.

De acordo com a PRF, as causas do acidente serão apontadas após a realização de perícia da PRF e Polícia Científica.

Leia mais:
>>> VÍDEO: Acidente na BR 408 com 16 veículos deixa mais de 10 feridos e causa incêndios e explosões, diz PRF e Bombeiros; ASSISTA

Acidente em Pernambuco

Três pessoas ficaram feridas em um acidente que envolveu quatro carros, dois caminhões e um ônibus, na BR-232, no Grande Recife, em abril de 2022.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), havia fogo no canteiro central da rodovia e a área ficou cheia de fumaça. Isso pode ter atrapalhado os motoristas na hora do acidente.

Imagens enviadas por WhatsApp mostram a BR-232, principal ligação entre o Recife e o Agreste e o Sertão, com muita fumaça. Também é possível observar veículos danificados após o engavetamento.

Ainda de acordo com a PRF, o acidente ocorreu por volta das 12h30, no quilômetro 23 da BR-232, em Moreno, no sentido interior/Recife.

A PRF disse que as três pessoas tiveram ferimentos, a princípio, “sem gravidade”. Todos estavam em carros de passeio, sendo dois passageiros de um Honda Civic e outro de um Gol.

Eles foram atendidos no local. Os nomes das pessoas feridas não foram divulgados pela corporação.

A PRF informou que ainda não seria possível estabelecer o que provocou o fogo no gramado do canteiro central da rodovia.

Logo depois do engavetamento, a maioria dos caros envolvidos foi retirada da pista. O tráfego seguiu pelo acostamento.

Da redação do Portal com informações da CNN Brasil