Continua após a publicidade:

O governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, disse durante evento no litoral paulista que é e vai continuar sendo bolsonarista.

Continua após a publicidade:

A declaração foi uma resposta de Tarcísio à pergunta do jornalista William Waack, mediador do debate, sobre o editorial de hoje do Estadão que trata da dificuldade do governador de São Paulo de agradar seu padrinho, o ex-presidente Jair Bolsonaro, ao mesmo tempo em que procura se apresentar como moderado e democrata.

📲 Entre no nosso grupo de WhatsApp e receba as notícias do Portal de Prefeitura no seu celular

Ao citar reformas estruturais, caso da reforma da Previdência, a redução do custo administrativo e a entrega de superávit nas contas primárias no último ano do governo anterior, Tarcísio disse não ver problema em ser bolsonarista, ainda que a corrente que apoia o ex-presidente esteja no foco da Polícia Federal. “Problema nenhum”, afirmou.

Continua após a publicidade:

Estadão Conteúdo