O Supremo Tribunal Federal (STF) fez a reserva de quase R$ 2 milhões para a manutenção de sua frota de veículos, em um contrato com duração de um ano. Essa informação foi divulgada pela coluna No Ponto, da revista Oeste.

O contrato estabelece uma série de requisitos, que incluem manutenção preventiva, serviços de pintura, fornecimento de peças, disponibilidade de guincho 24 horas, limpeza interna e externa, além de procedimentos de “lavagem ecológica” para os veículos.

Entre os carros utilizados pela Corte estão modelos Azera, da Hyundai, Fusion, da Ford, e Spin, da Chevrolet.

Além destes, em 2023, o STF abriu uma licitação para a locação de veículos blindados para uso dos ministros no Rio de Janeiro, com gasto aproximado de R$ 365 mil na contratação, para proteção dos ministros Luís Roberto Barroso e Luiz Fux e suas famílias, que moram no Rio de Janeiro.