A senadora Teresa Leitão (PT-PE) usou a tribuna do Senado, nesta terça-feira (4), para se posicionar contra a chamada PEC das Praias (PEC 3/2024). Em sintonia com o governo do presidente Lula, ela acredita que a emenda poderá levar à privatização das praias no país, transferindo os terrenos de marinha, que são de propriedade da União, para estados, municípios e iniciativa privada.

De acordo com a senadora, trata-se de uma questão de soberania nacional, em que o interesse privado não pode se sobrepor ao interesse público.

Continua após a publicidade:

Teresa Leitão também demonstrou preocupação com o meio ambiente, lembrando que são áreas importantes para a preservação de ecossistemas como manguezais e restingas. E ressaltou que comunidades tradicionais poderiam ser prejudicadas se a PEC for aprovada.

📲Entre no nosso grupo de WhatsApp e receba as notícias do Portal de Prefeitura no seu celular.

A senadora concluiu dizendo-se preocupada com o encaminhamento da matéria e afirmou estar comprometida com a defesa do meio ambiente e com a busca de melhores soluções, que equilibrem desenvolvimento, justiça tributária e preservação socioambiental.

O governo Lula já se pronunciou contrário à PEC das Praias. No Senado, o texto está em tramitação e tem como relator o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ).

Continua após a publicidade: