Uma pesquisa feita pela Paraná Pesquisas na primeira quinzena de janeiro deste ano mostrou um empate técnico entre o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que está inelegível.

Parte do levantamento revela o quadro eleitoral se a eleição para presidente fosse hoje.

Uma das perguntas colocou em embate Lula com Jair Bolsonaro num hipotético segundo turno. Lula empataria tecnicamente com o ex-presidente mas venceria por dois pontos percentuais de diferença (44% a 42%).

Um outro dado da pesquisa reforça a impressão de que o discurso bolsonarista nas redes sociais tem surtido efeito, a exemplo da inflação que, mesmo em queda o ano passado, incluindo a de alimentos, o levantamento mostrou que 48% dos brasileiros dizem que “os preços subiram nos supermercados em 2023”.

Embate

Em entrevista à CBN Recife, na terça-feira, 30 de janeiro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva rebateu a acusação do ex-presidente Jair Bolsonaro, que afirmou que a operação de busca e apreensão da Polícia Federal (PF) deflagrada nesta segunda-feira, 29 de janeiro, em endereços do seu filho, o vereador Carlos Bolsonaro (PL-SP), seria perseguição política.