Continua após a publicidade:

Na noite de quarta-feira, 19 de junho, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que é “da turma” que acredita que “artista, cinema e novela” não têm a função de “ensinar putaria”.

📲 Entre em nosso grupo do Telegram e receba as notícias do Portal de Prefeitura no seu celular.

Continua após a publicidade:

A declaração foi feita durante uma cerimônia de homenagem ao Dia do Cinema Brasileiro, realizada na Zona Oeste do Rio de Janeiro. A cerimônia contou com a presença de atores e diretores brasileiros.

Investimento na cultura

O governo Lula vai investir R$ 1,6 bilhão no setor audiovisual, com foco na produção de filmes e séries nacionais.

Continua após a publicidade:

A data é uma referência às primeiras imagens cinematográficas registradas no país, em 19 de junho de 1898, pelo cineasta Afonso Segreto.

Na cerimônia, o presidente assinou o decreto que regulamenta a cota de tela em cinema. A Lei 14.814/2024 foi sancionada em janeiro deste ano e determina que salas de cinema devem exibir uma cota comercial de obras cinematográficas brasileiras até 31 de dezembro de 2033.

Segundo o governo, o objetivo é promover a valorização do cinema nacional.

A Agência Nacional do Cinema (Ancine) terá a responsabilidade de fiscalizar o cumprimento da lei, com a exibição dos filmes de forma proporcional durante o ano.

Continua após a publicidade: