Nesta segunda-feira, 25, a governadora Raquel Lyra (PSDB) lançou o Programa Mães de Pernambuco, às 15h, no Palácio do Campo das Princesas.

O programa social tem como objetivo complementar o Bolsa Família e beneficiar cerca de 100 mil mulheres do estado de Pernambuco.

O plano, que é uma das promessas que Raquel Lyra fez na sua campanha eleitoral, está sancionada desde 23 de dezembro de 2023.

Para ser contemplada pelo Programa Mães de Pernambuco, a mulher deve cumprir os segguintes requisitos:

  • Tiverem filhos de 0 a 6 anos 
  • Estejam no Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico)
  • Tenham renda média abaixo dos parâmetros da extrema pobreza (renda mensal por membro da família de até R$ 168)

As mães que têm direito ao programa social, receberão mensalmente R$ 300, além da renda do Bolsa Família.

Em sua campanha, a governadora afirmou que, além da 100 mil mães que serão beneficiadas pelo projeto, uma média de 200 mil crianças também serão ajudadas.

O plano está dentro do pacote “Pernambuco Sem Fome”, que prevê o investimento de R$ 469,5 milhões para o combate à insegurança alimentar em Pernambuco.

O conjunto é composto também pelo programa Estadual de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar e o “Bom Prato”.