Em Olinda, a Polícia Civil de Pernambuco realizou a prisão de um padrasto por estuprar da sua enteada dos cinco aos 15 anos de idade.

Continua após a publicidade:

Em 17 de março, a mãe da vítima compareceu a Delegacia para realizar a denuncia do crime.

📲 Entre no nosso grupo de WhatsApp e receba as principais notícias do site Portal de Prefeitura no seu celular.

De acordo com a mulher, em decorrência dos abusos sexuais, a menor de idade acabou engravidando do padrasto.

A menina deu luz e teve uma filha, do agressor, que está com meses de idade.

Logo após o registro da ocorrência, o homem compareceu a esta DP acompanhado por advogado, a fim de se apresentar e se colocar ‘à disposição’ para esclarecimentos e teve prisão decretada no último 5 de julho.

O padrasto foi recolhido ao Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (COTEL), em Abreu e Lima, onde ficará à disposição da justiça.