O presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) Álvaro Porto explicou o porque de não ter participado do evento com o presidente do PSDB – do qual faz parte – no Recife, nessa quinta-feira, 14 de março. Ele ainda rebateu a fala de Marconi Perillo, que afirmou haver infidelidade partidária por parte do deputado.

O líder nacional do partido chegou a dizer na quinta (14) que houve infidelidade partidária da parte de Porto por retirar sua esposa da legenda tucana e filiá-la ao Republicanos em busca da reeleição em Canhotinho, no Agreste pernambucano, no último final de semana.

Álvaro Porto rebateu:

Na ocasião da filiação de Sandra Paes ao Republicanos, o presidente da Alepe ainda deu um recado:

Perillo, dentre suas declarações em coletiva de imprensa, disse em quais condições há possibilidade do deputado estadual ser expulso do PSDB.