Lançado no mercado brasileiro no final de outubro do ano passado, o Honda ZRV, na versão única Touring, importado do México, entrou no segmento dos SUVs médios com uma proposta sólida. Apesar de não ser um sucesso estrondoso de vendas, suas vendas mostram uma trajetória estável.

Desempenho de vendas

No mês de abril, o Honda ZRV registrou a venda de 544 unidades, enfrentando principalmente o Ford Territory, que emplacou 431 unidades no mesmo período. Considerando o acumulado do ano, foram 2.128 unidades vendidas, superando até mesmo modelos como Volkswagen Tiguan, Chevrolet Equinox e o próprio Territory.

Estratégias de mercado

Em busca de aumentar seu volume de vendas, o ZRV já está sendo oferecido com descontos significativos nas concessionárias, chegando a uma redução de quase R$ 15.000 em seu preço original. Com isso, algumas lojas já praticam valores próximos a R$ 199.900, tornando-o uma opção competitiva no mercado.

Continua após a publicidade:

Características e dimensões

Com 4,57 metros de comprimento e 2,66 metros de entre eixos, o Honda ZRV apresenta dimensões maiores que seus principais rivais. No entanto, seu porta-malas comporta apenas 389 litros. Sob o capô, o motor 2.0 aspirado entrega 161 cavalos de potência e 19,1 kgfm de torque, acoplado a um câmbio CVT que simula sete marchas.

O desempenho adequado do Honda ZRV é atribuído em parte à sua dirigibilidade confortável e à boa resposta do motor em diferentes situações de condução. Apesar de não impressionar em termos de desempenho bruto, o SUV oferece uma experiência de direção sólida e previsível, ideal para o uso urbano e viagens de média distância.

A estratégia de oferecer descontos significativos reflete a busca da Honda por uma posição mais competitiva no mercado de SUVs médios. Embora o ZRV não tenha alcançado os números de venda de seus concorrentes diretos, sua presença está consolidada e pode representar uma alternativa interessante para os consumidores que buscam um SUV espaçoso e bem equipado.