A BYD certamente está buscando estabelecer sua presença no mercado de picapes com o lançamento da Shark, hoje 14/05/2024 ela foi lançada no México em uma proposta híbrida plug-in que parece oferecer um conjunto impressionante de características e desempenho.

Com um sistema de propulsão híbrida que combina um motor a gasolina com dois propulsores elétricos, a Shark promete uma potência combinada de mais de 430 cv e uma aceleração de zero a 100 km/h em apenas 5,7 segundos. Além disso, a autonomia é um ponto forte, com 840 km no ciclo NEDC e a capacidade de rodar até 100 km em modo totalmente elétrico.

A inclusão de tecnologia de tração integral com gerenciamento eletrônico para melhor aderência em diferentes terrenos é uma vantagem significativa, especialmente para quem procura uma picape robusta e capaz de lidar com diversos tipos de condições de condução.

A construção da picape com base na plataforma DMO parece oferecer não apenas rigidez estrutural, mas também uma série de recursos de conforto e conveniência no interior, como o painel digital, a central multimídia generosa e os ajustes elétricos dos bancos. A capacidade de controlar várias funções através de um aplicativo no celular é um toque moderno e conveniente.

O design externo, com sua inspiração no visual de um tubarão, certamente chama a atenção, especialmente com os detalhes das luzes LED integradas aos faróis e as luzes traseiras inspiradas nas nadadeiras do peixe predador.

A possibilidade de usar as baterias de forma estacionária para abastecer uma residência com energia elétrica é um recurso interessante e destaca a versatilidade do sistema de propulsão elétrica.

Com garantias robustas de oito anos para a bateria e motorização elétrica e seis anos para os demais componentes, a BYD está demonstrando confiança na durabilidade e confiabilidade de seu produto.

Será interessante observar como a Shark será recebida nos mercados onde será lançada e como ela se sairá em termos de vendas e aceitação do consumidor.