Rejeitado

Ministro Roberto Barroso nega recurso e mantém condenação de policiais miliares por Massacre do Carandiru em 1992

Na decisão, o magistrado rejeitou o argumento da defesa de que houve violação dos princípios do contraditório, da ampla defesa e do devido processo legal.

Por - Publicado em 4 ago de 2022, às 10:45   -   Atualizado em 4 ago de 2022, às 10:46
Ministro Roberto Barroso nega recurso e mantém condenação de policiais miliares por Massacre do Carandiru em 1992
Ministro Roberto Barroso do SFT, nega recurso da defesa e mantém condenações pelo massacre do Carandiru. Arte: Portal de Prefeitura