Vídeo

‘Para ser pátria amada não pode ser pátria armada’, diz Dom Orlando Brandes, arcebispo de Aparecida, em missa no Dia da Padroeira do Brasil

Sem citar o presidente Jair Bolsonaro, o líder religioso ainda reforçou que para ser pátria amada é preciso ser pátria sem ódio, sem mentiras e fake news.

Por - Publicado em 12 out de 2021, às 12:52 - Atualizado em 12 out de 2021, às 16:45
‘Para ser pátria amada não pode ser pátria armada’, diz Dom Orlando Brandes, arcebispo de Aparecida, em missa no Dia da Padroeira do Brasil
"Para ser pátria amada não pode ser pátria armada", diz Dom Orlando Brandes, Arcebispo de Aparecida. Foto: Reprodução