Punição

França suspende milhares de profissionais de saúde que se recusaram a tomar vacina contra a Covid-19

De acordo com o ministro francês da Saúde, “dezenas de profissionais” demitiram-se, em vez de aceitar o imunizante.

Por - Publicado em 16 set de 2021, às 10:30 - Atualizado em 16 set de 2021, às 10:30
França suspende milhares de profissionais de saúde que se recusaram a tomar vacina contra a Covid-19
Presidente francês, Emmanuel Macron e o presidente Jair Bolsonaro. Foto: Frederico Mellado /ARG