Aprovado

Projeto do vereador do Recife garante atendimento humanizado para luto materno e parental

Lei de autoria de Samuel Salazar assegura medidas diferenciadas em hospitais públicos e privados do Recife a esses pais enlutados.

A Câmara de Vereadores do Recife aprovou, o Projeto de Lei 44/2021, que determina que hospitais públicos e privados ofereçam leito separado da maternidade para mães que tenham sofrido aborto espontâneo ou no caso de a criança ter nascido morta ou ter morrido durante o parto. A matéria de autoria do vereador Samuel Salazar (MDB) seguirá para a sanção do prefeito João Campos (PSB).

“O luto materno e parental corresponde à dor da perda de um filho já nascido, ou ainda na barriga da mãe. É um momento doloroso e complicado, em que muitas famílias pensam que não conseguirão superar”, justificou o vereador Samuel Salazar, que é líder do Governo na Câmara Municipal do Recife.

Ver mais:

>> Samuel Salazar destaca aprovação da Câmara do Recife sobre criação do Conselho Municipal do Fundeb proposta

>> Câmara do Recife se destaca entre as mais transparentes do Estado, diz TCE-PE

>> Projeto de João Campos para que PPPs do Recife possam captar R$ 1 bilhão é aprovada na Câmara Municipal

Além de assegurar atendimento humanizado, o projeto de Lei prevê que seja oferecido tratamento psicológico aos pais que passem por essas situações. Segundo o vereador Samuel Salazar, o atendimento diferenciado por parte do hospital a essas mães é de fundamental importância para que elas tenham a dor do luto amenizada.

“Em muitas maternidades, mães que acabaram de fazer o parto de um filho natimorto são colocadas junto com outras mulheres que tiveram bebês saudáveis e, não raro, precisam repetir aos profissionais do próprio hospital, durante as visitas de rotina, que o delas faleceu”, explica.

Da redação do Portal com informações da Assessoria de Samuel Salazar

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal