Coro

Vídeo: multidão grita que o ‘lugar de Lula é na prisão’ durante pronunciamento de Bolsonaro em Pernambuco neste sábado (4)

O presidente durante seu discurso fez críticas a esquerda, e afirmou que é "um presidente que acredita em Deus respeita os seus militares e defende a família tradicional”.

No encerramento da ‘motociata’ que ocorreu neste sábado, 4 de setembro, com a participação do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) no Agreste de Pernambuco, uma multidão que acompanhava o discurso do mandatário fizeram um ‘coro’ contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) dizendo que o lugar dele era na prisão.

“Lula, ladrão, seu lugar é na prisão”, gritavam os apoiadores do presidente Bolsonaro.

Veja também:
>>>Confira como foi o discurso de Bolsonaro na cidade de Caruaru após participar de motociata neste sábado (4)

O presidente durante seu discurso também fez críticas a esquerda, e afirmou que é um presidente que acredita em Deus.

“Ao contrário da esquerda, hoje o Brasil tem um presidente da República que acredita em Deus, que respeita os seus militares, que defende a família tradicional”, disse Bolsonaro

O chefe do executivo fez um discurso de aproximadamente 15 minutos no Polo de Confecções de Caruaru. Em sua fala,  Bolsonaro também voltou a atacar os ministros do STF Alexandre de Moraes e Luis Roberto Barroso, além de convocar os apoiadores para os atos de 7 de setembro.

“Pode ter certeza que 210 milhões de pessoas não serão reféns de uma ou duas”, declarou.

Os apoiadores do presidente não conseguiram se controlar e em alguns momentos da fala interromperam o mandatário com gritos de “Mito” e “Fora, Alexandre”, em referência ao ministro do STF. Bolsonaro encerrou o discurso com a frase “Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”.

“Se lá (no STF) tem alguém que ousa continuar agindo fora das quatro linhas da Constituição, aquele poder tem que chamar essa pessoa e enquadra-la. Se assim não ocorrer com qualquer um dos Três Poderes, a tendência é de ruptura. Ruptura que não quero e nem desejo”, afirmou.

Motociata

presidente reuniu uma multidão de apoiadores durante a motociata com saída de Santa Cruz do Capibaribe, passando por Toritama até Caruaru destino de encerramento.

Mesmo com o tempo nublado e algumas chuvas de momento, os apoiadores do presidente não desistiram de acompanhar o ato que teve um forte esquema de segurança com agentes da PM, PRF, Forças Armadas e outros.

Por volta de 9h20, o helicóptero de Bolsonaro com sua comitiva chegava no pátio Moda Center da cidade que já reunião milhares de pessoas desde cedo, outros já acampavam no local de um dia antes para não perder a chance de participar do movimento.

Em diversos pontos das estradas era possível verificar bloqueios, inclusive, com minutos antes de início do ato.

Agenda em Pernambuco

A motociata de hoje foi a última escala da agenda de Bolsonaro em Pernambuco. Na sexta, 3 de setembro, no Recife, o presidente foi calorosamente recepcionado por aliados na Frente da Base Aérea, em seguida participou da cerimônia de inauguração das novas instalações da Escola de Formação de Luthier e Archetier da Orquestra Criança Cidadã, em seguida se reuniu em um evento com empresários pernambucanos e por fim foi para a posse do general Richard Fernandez Nunes, novo comandante militar do Nordeste.

 

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal