Saúde

Dilma Rousseff passa bem após procedimento cirúrgico e cateterismo; ex-presidente foi internada no Hospital Sírio-Libanês

Assessoria do PT não informou o que causou o mal-estar, mas disse que a ex-presidente participava de uma reunião virtual, quando teve uma indisposição.

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) passa bem após ter sido submetida a um procedimento cirúrgico no coração, realizado na manhã desta quarta-feira (1º), em São Paulo. A ex-presidente chegou na terça (31) a capital paulista para fazer exames, segundo informado por sua assessoria de imprensa.

A petista foi internada no Hospital Sírio-Libanês, localizado na região central da cidade, onde passou passar por um procedimento de cateterismo.

O procedimento foi realizado pelo médico Roberto Kalil e segundo nota do Sírio-Libanês ao UOL, correu “tudo bem”. Dilma já está no quarto, se recuperando, almoçou e deve ter alta na quinta-feira (2), de acordo com a assessoria da ex-presidente.

Há três meses, a petista teve um mal-estar e se internou para exames em um hospital de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, onde mora. Ela recebeu alta um dia depois em bom estado de saúde.

Ver mais:

>> Dilma diz que Bolsonaro tenta dar “golpe dentro do golpe”; impeachment da ex-presidente completa 5 anos nesta terça-feira (31)

Procedimento médico

O cateterismo é utilizado tanto para diagnosticar doenças nas artérias coronárias quanto para levar o stent — espécie de mola metálica que mantém as paredes da artéria abertas — até o local em que há obstrução, caso alguma seja identificada na primeira etapa dos exames. Em 2018, Dilma havia sido internada no mesmo hospital para realizar uma angioplastia.

 

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal