Imunização

Fernando de Noronha anuncia vacinação contra Covid para o público geral em crianças e adolescentes de 12 a 17 anos

O imunizante aplicado é o da Pfizer, com um intervalo de 12 semanas entre as duas doses.

Fernando de Noronha iniciou a vacinação para todas as crianças e adolescentes, residentes na ilha, na faixa dos 12 aos 17 anos, com ou sem comorbidades. O imunizante aplicado é o da Pfizer, com um intervalo de 12 semanas entre as duas doses. A vacina é a única autorizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberada para essa faixa etária.

Os alunos da escola Arquipélago, com autorização assinada pelos pais, já estão sendo imunizados na própria escola. Os demais serão vacinados no Posto de Saúde da Família.

Para receber a primeira dose é preciso agendar a aplicação no PSF, das 8h às 12h e das 13h às 17h, mesmo horário reservado para a vacinação, ou pelo telefone 3619 0970. Os pais ou responsáveis devem aproveitar e levar o cartão de vacinação regular pois, caso a criança ou adolescente necessite tomar alguma das vacinas previstas no Plano Nacional de Imunização (PNI), poderá aproveitar a ocasião.

O período de vacinação permanecerá aberto, pois a ideia da administração é vacinar o maior número de pessoas o mais rápido possível, contribuindo para segurança de todos.

Fernando de Noronha anuncia vacinação contra Covid para o público geral em crianças e adolescentes de 12 a 17 anos
Fernando de Noronha anuncia vacinação contra Covid para o público geral em crianças e adolescentes de 12 a 17 anos. Foto: Divulgação

Ver mais:

>> Fernando de Noronha comemora aniversário de 518 anos com solenidade restrita nesta terça (10)

Noronha atinge 90% da população adulta vacinada contra a Covid-19 com duas doses

Fernando de Noronha vacinou 3.435 pessoas com a duas doses da vacina contra Covid-19 até a segunda-feira (23), o que representa 90,4% da população adulta, com 18 anos ou mais, que é formada por 3.800 moradores, segundo a Administração da Ilha.

A ilha, atualmente, iniciou a vacinação de adolescente a partir de 12 anos com comorbidades.

Segundo dados do governo local, dos que têm a partir de 18 anos, não receberam a segunda dose apenas os residentes que foram imunizados com a vacina da Pfizer, que devem completar o esquema vacinal em setembro, e os moradores que tomaram a primeira dose em um período posterior ao mutirão.

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal