Desorganização

Camaragibe libera vacinação contra Covid-19 sem agendamento em jovens e não suporta demanda; Prefeitura esperava 200 pessoas dessa faixa etária

Os centros de imunização ficaram lotados com longas filas e aglomerações. Gestão tinha expectativa de uma determinada quantidade na procura e a realidade foi bem maior.

Ao liberar a vacinação contra a Covid-19 por demanda espontânea para os jovens a partir dos 18 anos no município de Camaragibe, no Grande Recife, na última quarta-feira (18), causou filas e aglomerações em frente aos centros de imunização da cidade.

A gestão da prefeita médica Dra. Nadegi Queiroz (Republicanos), argumentou que a expectativa era de que apenas cerca de 200 jovens procurassem o serviço sem agendamento, porém, este número foi ultrapassado.

Veja também:
>>>Em Camaragibe, população questiona forma de vacinação contra Covid-19 e dispara comentários nas redes sociais da Prefeitura

>>>Camaragibe se torna a pior cidade no ranking de doses aplicadas e distribuídas na vacinação contra Covid-19 na RMR, revela painel

Quem se deslocou até os locais reclamou bastante da desorganização e das grandes filas que se formaram à espera do serviço.

De acordo com a prefeitura de Camaragibe, o problema foi causado pela abertura de imunização do grupo de maiores de 18 anos ter coincidido com o dia de início da demanda espontânea. A gestão afirmou ter distribuído distribuindo fichas e que a aglomeração foi “contornada rapidamente”.

Camaragibe é a única cidade da Região Metropolitana do Recife, que ao solicitar cadastro dos munícipes, promete retornar ligação avisando dia do agendamento para vacinar contra Covid-19. A forma adotada pela gestão para imunizar os cidadãos sofre algumas críticas, em especial, pela demora no retorno com a informação data agendada.

O Portal registrou as manifestações nas redes sociais da Prefeitura e da gestora municipal e observou a insatisfação da população que questiona o motivo de reduzir para uma nova faixa etária do público sem comorbidades, enquanto que não foi realizada a imunização da idade anterior.

Camaragibe
Camaragibe população questiona forma de vacinação contra Covid-19 e emite comentários nas redes sociais da prefeitura. Arte: Portal de Prefeitura


Pior cidade no ranking de doses aplicadas e distribuídas 

Camaragibe se tornou o pior município da Macrorregião I (Formada pela Região Metropolitana do Recife e Zona da Mata), no segmento de doses aplicadas vs doses distribuídas na vacinação contra a Covid-19 em Pernambuco.

A informação está disponível no painel de acompanhamento vacinal divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado e que passa por constante atualização.

Camaragibe recebeu até o dia 17 de agosto de 2021, mais de 138 mil vacinas e aplicou um pouco mais de 81 mil. Desta forma, entende-se que resta ainda em estoque para distribuição mais de 55 mil vacinas para os camaragibenses.

Confira aqui o link no qual é possível verificar todas as informações detalhadas da vacinação em Pernambuco.

 

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal