União

Recife é a nova cidade parceira do Observatório Nacional de Segurança Viária

Com o acordo, a capital pernambucana passa a fazer parte do Programa Laço Amarelo e intensificará as ações de segurança viária. Prefeito João Campos se reuniu com representantes do Observatório, para firmar a parceria, na tarde de terça (10).

Para continuar investindo na segurança viária dos cidadãos e intensificar as ações de educação, engenharia e fiscalização de trânsito baseada em evidências estatísticas, a Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Política Urbana e Licenciamento (Sepul) e da Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) se credenciou ao Observatório Nacional de Segurança Viária nesta terça-feira (10). Com isso, a cidade ganhou o certificado “Laço Amarelo”, que demonstra o comprometimento com políticas públicas para reduzir as mortes e lesões no trânsito.

O prefeito João Campos esteve reunido com representantes do Observatório Nacional de Segurança Viária, no seu gabinete, na tarde desta terça-feira (10), para firmar o acordo. O secretário de Política Urbana e Licenciamento, Leonardo Bacelar, e a presidente da CTTU Taciana Ferreira também participaram do encontro.

“A gente defende a segurança viária. E, além de ter o certificado Laço Amarelo, a gente vai seguir realizando ações concretas que promovam a segurança no trânsito como a implementação de ciclofaixas e as ações de educação para o trânsito, e de fiscalização também. Desta forma, a gente salva vidas. No último dia 19 maio, assinei também uma carta me comprometendo com o movimento ‘Ruas pela Vida’, lançado pelas Nações Unidas para fomentar desenhos urbanos com velocidades de até 30 km/h e equipamentos sustentáveis na via, com o objetivo de reduzir as mortes no trânsito. No mesmo dia, anunciamos também a implantação de 10 km de rotas cicláveis. Tudo isso e esse encontro de hoje demonstram o nosso compromisso com a segurança dos recifenses e como valorizamos as parcerias”, comentou João Campos.

A parceria permitirá que as equipes de educação para o trânsito recebam materiais educativos durante todo o ano, além do acesso a um banco de dados sobre sinistros de trânsito em todo o Brasil, que ajudará na execução de projetos  de engenharia e fiscalização cada vez mais focados em solucionar as problemáticas específicas de mobilidade urbana.

O Programa Município Laço Amarelo é um reconhecimento à cidade que se engaja na conscientização para um trânsito mais seguro. Conteúdos de educação para o trânsito fornecidos pelo Programa Laço Amarelo são enviados mensalmente ao município com o intuito de ajudar no trabalho de conscientização, buscando uma sociedade mais justa e segura no trânsito. Além disso, um banco de dados sobre sinistros de trânsito é compartilhado com a equipe técnica para investir em fiscalização e desenho urbano com base em evidências.

A iniciativa do Programa é do Observatório Nacional de Segurança Viária devido à necessidade urgente de conscientizar o cidadão de que nenhuma morte no trânsito é aceitável. Pesquisas apontam que mais de 60% dos leitos hospitalares do Brasil são ocupados por acidentes de trânsito. Atualmente, um brasileiro morre a cada 17 minutos no nosso país, vítima de um acidente de trânsito. Nós entendemos que, além do custo altíssimo da perda desse cidadão, há também o custo emocional, impossível de ser mensurado. Ninguém deve morrer simplesmente porque está transitando. Isso é inaceitável.

Recife é a nova cidade parceira do Observatório Nacional de Segurança Viária
Recife é a nova cidade parceira do Observatório Nacional de Segurança Viária. Foto: Rodolfo Loepert/PCR

Ver mais:

>> Recife ultrapassa marca de 80% da população adulta vacinada contra Covid-19; cidade imuniza pessoas a partir de 18 anos

A presidente da CTTU, Taciana Ferreira, comemorou a parceria.

“Estamos investindo cada vez mais na educação para o trânsito na nossa cidade, com ações inovadoras inspiradas em resultados que dão certo em outras cidades. Por isso, trazer para o Recife a parceria do Observatório Nacional de Segurança Viária é uma conquista porque vamos intensificar as nossas ações de conscientização dos recifenses para o trânsito mais seguro, além de nos debruçar melhor sobre os dados para implantar projetos ainda mais efetivos”, destacou a gestora.

Para José Cláudio, coordenador do Observatório Nacional de Segurança Viária, a expectativa é diminuir o número de sinistros de trânsito: “acho super importante a Prefeitura do Recife aderir ao programa Laço Amarelo, tendo vista a grande quantidade de sinistros viários aqui na cidade e também no Brasil. A partir da campanha, através da conscientização as pessoas tendem a mudar de comportamento, principalmente os pedestres, o número de sinistros de trânsito com pedestres é muito alto e também com os motociclistas, entregadores, ciclistas e todos os outros componentes do trânsito”.

O observador certificado, Adenildo Bezerra, também presente na reunião, concordou.

“A Prefeitura dar esse passo inicial e fazer parte do Laço Amarelo é importante porque a gente vê o alto índice de mortes no trânsito. Se a gente for observar, recentemente, a gente teve chegou a ter médias de 50 mil mortes por ano. Então a partir do momento em que essa iniciativa for para a ação, a gente vai ter um número muito menor de mortes do que o que temos visto. Desde 2014, o Observatório tem o movimento Maio Amarelo e a gente viu o número cair, de 50 mil mortes, passou para 33 mil mortes e o nosso objetivo é zerar”.

Sobre o Observatório

O Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV) é uma organização não governamental sem fins lucrativos e reconhecida pelo Ministério da Justiça Brasileiro como uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP. Mais que um órgão consultivo, o OBSERVATÓRIO é um órgão de inteligência, com objetivo principal de prover de forma constante à sociedade brasileira os subsídios técnicos necessários para o desenvolvimento seguro do trânsito no Brasil, bem como executar ações que gerem soluções eficientes e necessárias ao convívio harmônico entre pessoas, veículos e vias. Em maio de 2021, o ONSV dez anos de atuação em todo território nacional. No site do Observatório, o público pode conhecer outros materiais e formas de atuação junto a diversos públicos distintos: www.onsv.org.br. Nos acompanhe também pelas redes sociais.

Da redação do Portal com informações da Prefeitura do Recife

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal