Votação

Confira todos os parlamentares que votaram a favor do voto impresso em 2015; pernambucanos estão na lista

Na época, 368 deputados e 56 senadores apoiaram a medida. Desses, 153 permanecem na Câmara e 29 no Senado.

Um levantamento feito pelo site O Antagonista aponta que 153 dos atuais deputados e 29 dos atuais senadores votaram a favor do voto impresso em 2015, quando o Congresso derrubou um veto de Dilma Rousseff à medida.

Na época, 368 deputados e 56 senadores apoiaram a emissão do registro físico do voto pela urna eletrônica. Estava em votação apenas uma lei comum, mas era um apoio mais que suficiente para aprovar uma proposta de emenda à Constituição, como a que está sendo defendida agora por bolsonaristas (PECs exigem 308 votos na Câmara e 49 no Senado).

Muitos dos que votaram à época, no entanto, já não são parlamentares e, por isso, listamos abaixo apenas os que permanecem no Parlamento. Entre eles, há políticos de um amplo leque de partidos: desde o PSL até o PT, passando por DEM, MDB, PP, PSD, PSOL e PC do B.

Apesar de aprovado em 2015, o voto impresso não foi implementado porque, em 2018, ele foi declarado inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal — os ministros entenderam que, pela forma como foi previsto, havia risco ao sigilo da votação.

O voto impresso consiste na emissão de um registro físico, em papel, das escolhas de cada eleitor na urna eletrônica. Assim que a pessoa termina de digitar, os nomes dos candidatos escolhidos são impressos num papel. Ela confere, confirma e o voto impresso é depositado numa urna física.

Os votos impressos ficariam em poder da Justiça Eleitoral e serviriam para conferência do resultado eletrônico, em caso de dúvida.

Veja, abaixo, a lista de deputados que votaram a favor do voto impresso em 2015:

  1. Aelton Freitas (PL-MG)
  2. Afonso Hamm (PP-RS)
  3. Afonso Motta (PDT-RS)
  4. Alan Rick (DEM-AC)
  5. Alceu Moreira (MDB-RS)
  6. Alessandro Molon (PSB-RJ)
  7. Alex Manente (CIDADANIA-SP)
  8. Alexandre Leite (DEM-SP)
  9. Alice Portugal (PCdoB-BA)
  10. Aliel Machado (PSB-PR)
  11. Aluisio Mendes (PSC-MA)
  12. André Abdon (PP-AP)
  13. Aníbal Gomes (DEM-CE)
  14. Arthur Lira (PP-AL)
  15. Átila Lins (PP-AM)
  16. Átila Lira (PP-PI)
    17. Augusto Coutinho (SOLIDARIEDADE-PE)
  17. Bacelar (PODEMOS-BA)
  18. Baleia Rossi (MDB-SP)
  19. Bohn Gass (PT-RS)
  20. Bruna Furlan (PSDB-SP)
  21. Capitão Augusto (PL-SP)
  22. Carlos Gomes (REPUBLICANOS-RS)
  23. Carlos Henrique Gaguim (DEM-TO)
  24. Carlos Zarattini (PT-SP)
  25. Célio Silveira (PSDB-GO)
  26. Celso Maldaner (MDB-SC)
  27. Celso Russomanno (REPUBLICANOS-SP)
  28. Christiane de Souza Yared (PL-PR)
  29. Claudio Cajado (PP-BA)
  30. Covatti Filho (PP-RS)
  31. Damião Feliciano (PDT-PB)
  32. Daniel Almeida (PCdoB-BA)
    34. Daniel Coelho (CIDADANIA-PE)
  33. Danilo Forte (PSDB-CE)
  34. Delegado Éder Mauro (PSD-PA)
  35. Delegado Waldir (PSL-GO)
  36. Dimas Fabiano (PP-MG)
  37. Domingos Neto (PSD-CE)
  38. Domingos Sávio (PSDB-MG)
  39. Dulce Miranda (MDB-TO)
  40. Edio Lopes (PL-RR)
  41. Eduardo Barbosa (PSDB-MG)
  42. Eduardo Bolsonaro (PSL-SP)
  43. Eduardo Cury (PSDB-SP)
  44. Efraim Filho (DEM-PB)
  45. Elmar Nascimento (DEM-BA)
  46. Enio Verri (PT-PR)
  47. Eros Biondini (PROS-MG)
  48. Expedito Netto (PSD-RO)
  49. Fábio Mitidieri (PSD-SE)
  50. Fábio Ramalho (MDB-MG)
  51. Fabio Reis (MDB-SE)
  52. Félix Mendonça Júnior (PDT-BA)
    55. Fernando Coelho Filho (DEM-PE)
    56. Fernando Monteiro (PP-PE)
  53. Flaviano Melo (MDB-AC)
  54. Genecias Noronha SOLIDARIEDADE CE)
  55. Geovania de Sá (PSDB-SC)
  56. Gilberto Nascimento (PSC-SP)
  57. Giovani Cherini (PL-RS)
  58. Glauber Braga (PSOL-RJ)
    63. Gonzaga Patriota (PSB-PE)
  59. Guilherme Mussi (PP-SP)
  60. Heitor Schuch (PSB-RS)
  61. Helder Salomão (PT-ES)
  62. Hélio Leite (DEM-PA)
  63. Hildo Rocha (MDB-MA)
  64. Hiran Gonçalves (PP-RR)
  65. Hugo Motta (REPUBLICANOS-PB)
  66. Ivan Valente (PSOL-SP)
  67. Jandira Feghali (PCdoB-RJ)
  68. Jefferson Campos (PSB-SP)
  69. Jerônimo Goergen (PP-RS)
  70. Jéssica Sales (MDB-AC)
  71. Jhonatan de Jesus (REPUBLICANOS-RR)
  72. João Campos (REPUBLICANOS-GO)
  73. João Carlos Bacelar (PL-BA)
  74. João Marcelo Souza (MDB-MA)
  75. Joaquim Passarinho (PSD-PA)
  76. José Nunes (PSD-BA)
  77. José Priante (MDB-PA)
  78. José Rocha (PL-BA)
  79. Júlio Cesar (PSD-PI)
  80. Júlio Delgado (PSB-MG)
  81. Juscelino Filho (DEM-MA)
  82. Laerte Bessa (PL-DF)
  83. Leo de Brito (PT-AC)
  84. Leonardo Monteiro (PT-MG)
  85. Lucas Vergilio (SOLIDARIEDADE-GO)
  86. Luiz Nishimori (PL-PR)
  87. Luiza Erundina (PSOL-SP)
  88. Luizianne Lins (PT-CE)
  89. Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG)
  90. Marcio Alvino (PL-SP)
  91. Márcio Marinho (REPUBLICANOS-BA)
  92. Mário Negromonte Jr. (PP-BA)
  93. Marx Beltrão (PSD-AL)
  94. Miguel Lombardi (PL-SP)
  95. Misael Varella (PSD-MG)
  96. Moses Rodrigues (MDB-CE)
  97. Newton Cardoso Jr (MDB-MG)
  98. Nilson Pinto (PSDB-PA)
  99. Orlando Silva (PCdoB-SP)
  100. Osmar Terra (MDB-RS)
  101. Otavio Leite (PSDB-RJ)
    107. Pastor Eurico (PATRIOTA PE)
  102. Paulo Abi-Ackel (PSDB-MG)
  103. Paulo Azi (DEM-BA)
  104. Paulo Magalhães (PSD-BA)
  105. Paulo Pereira da Silva (SOLIDARIEDADE-SP)
  106. Pompeo de Mattos (PDT-RS)
  107. Pr. Marco Feliciano (REPUBLICANOS-SP)
  108. Professora Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO)
  109. Professora Marcivania (PCdoB-AP)
  110. Rafael Motta (PSB-RN)
  111. Renata Abreu (PODE-SP)
  112. Ricardo Izar (PP-SP)
    119. Ricardo Teobaldo (PODE-PE)
  113. Roberto Alves (REPUBLICANOS-SP)
  114. Rodrigo de Castro (PSDB-MG)
  115. Rodrigo Maia (DEM-RJ)
  116. Rogério Peninha Mendonça (MDB-SC)
  117. Ronaldo Carletto (PP-BA)
  118. Rosangela Gomes (REPUBLICANOS-RJ)
  119. Rossoni (PSDB-PR)
  120. Rubens Bueno (CIDADANIA-PR)
  121. Samuel Moreira (PSDB-SP)
  122. Sérgio Brito (PSD-BA)
  123. Sergio Souza (MDB-PR)
  124. Shéridan (PSDB-RR)
  125. Soraya Santos (PL-RJ)
  126. Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ)
  127. Stefano Aguiar (PSD-MG)
  128. Subtenente Gonzaga (PDT-MG)
    136. Tadeu Alencar (PSB-PE)
  129. Tia Eron (REPUBLICANOS-BA)
  130. Tiririca (PL-SP)
  131. Toninho Wandscheer (PROS-PR)
  132. Uldurico Junior (PROS-BA)
  133. Vander Loubet (PT-MS)
  134. Vanderlei Macris (PSDB-SP)
  135. Vicentinho Júnior (PL-TO)
  136. Vinicius Carvalho (REPUBLICANOS-SP)
  137. Vinicius Gurgel (PL-AP)
  138. Vitor Lippi (PSDB-SP)
  139. Waldenor Pereira (PT-BA)
  140. Walter Alves (MDB-RN)
  141. Wellington Roberto (PL-PB)
    150. Wolney Queiroz (PDT-PE)
  142. Aécio Neves (PSDB-MG)*
  143. José Medeiros (PODE-MT)*
  144. Lídice da Mata (PSB-BA)*

*Enquanto senadores

Veja, abaixo, a lista de senadores que votaram a favor do voto impresso em 2015:

  1. Acir Gurgacz (PDT-RO)
  2. Antonio Anastasia (PSD-MG)
  3. Dário Berger (MDB-SC)
  4. Davi Alcolumbre (DEM-AP)
  5. Elmano Férrer (PP-PI)
    6. Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE)
    7. Humberto Costa (PT-PE)
  6. José Serra (PSDB-SP)
  7. Lasier Martins (PODEMOS-RS)
  8. Omar Aziz (PSD-AM)
  9. Paulo Paim (PT-RS)
  10. Paulo Rocha (PT-PA)
  11. Randolfe Rodrigues (REDE-AP)
  12. Reguffe (PODEMOS-DF)
  13. Renan Calheiros (MDB-AL)
  14. Roberto Rocha (PSDB-MA)
  15. Romário (PL-RJ)
  16. Simone Tebet (MDB-MS)
  17. Tasso Jereissati (PSDB-CE)
  18. Wellington Fagundes (PL-MT)
  19. Eliziane Gama (CIDADANIA-MA)**
  20. Esperidião Amin (PP-SC)**
    23. Jarbas Vasconcelos (MDB-PE)**
  21. Jorginho Mello (PL-SC)**
  22. Luis Carlos Heinze (PP-RS)**
  23. Mara Gabrilli (PSDB-SP)**
  24. Rodrigo Pacheco (DEM-MG)**
  25. Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB)**
  26. Zenaide Maia (PROS-RN)**

** Enquanto deputados federais

Veja aqui a lista oficial de votos ao veto.

Da redação do Portal com informações do Antagonista 

Deixe seu comentário

[gs-fb-comments]
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal