Protesto

Movimentos sociais convocam abaixo-assinado contra licitação milionária de celulares para vereadores no Recife

Em menos de 24 horas, a petição ganhou a adesão de mais de mil apoiadores.

Em resposta à licitação de 1.926.552,00 (um milhão novecentos e vinte e seis mil quinhentos e cinquenta e dois reais) para compra de celulares para vereadores do Recife e seus assessores, a Rede Meu Recife, com apoio do Livres, do MBL e do Cidadania iniciou um abaixo-assinado para pressionar os parlamentares pela suspensão do edital. Antes de completar 24 horas no ar, a petição ganhou a adesão de mais de mil apoiadores, entre eles o Recife Ordinário, página sobre cotidiano e cultura pernambucana que tem mais de um milhão de seguidores nas redes sociais.

De acordo com Joelma Costa, porta-voz da Rede Meu Recife, a plataforma criada para mobilizar a campanha #iphonenapandemianao é um caminho rápido em que qualquer recifense pode compartilhar sua posição diretamente para os vereadores do Recife e exigir que o dinheiro público seja usado de maneira a atender às necessidades da população e não para luxos de quem deve defender os nossos interesses. “Com apenas cinco ações, os vereadores vão receber nosso recado: é só preencher o e-mail, nome, sobrenome, ler o e-mail e apertar o botão ‘pressionar’. É um jeito fácil de engajar toda a população nas pautas que dizem respeito ao uso do dinheiro público.”, comentou.

Abaixo-assinado, Movimentos sociais convocam abaixo-assinado contra licitação milionária de celulares para vereadores no Recife
Foto: Divulgação

Associados ao movimento Livres e autores da ação popular que pede a anulação da licitação junto ao Tribunal de Justiça de Pernambuco, Karla Falcão e Professor Thiago do Uber endossam a importância da ação. Para Karla Falcão, “já que não é possível ir à porta da Câmara protestar por causa da pandemia, as ferramentas digitais serão usadas em favor do povo do Recife”. “Esperamos que diante do clamor popular os vereadores voltem atrás da decisão que, explicitamente, nada mais é que um privilégio”, finalizou o professor Thiago.

O colegiado do MBL, por sua vez, destacou que o comportamento pró-privilégios não tem lado na Câmara do Recife. “Nem mesmo a oposição ficou contra. Isso é revoltante e só reforça a necessidade de aumentar nossa mobilização!”, comentaram.

A cada assinatura, a plataforma dispara automaticamente um e-mail para cada um dos 39 vereadores exigindo posição contrária à compra. Para apoiar, os interessados devem acessar

Link abaixo 

www.iphonenapandemianao.meurecife.org.br/

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal