Pausa

CPI da Covid será suspensa no recesso parlamentar até dia 3 de agosto

A informação foi repassada pelo senador Randolfe Rodrigues na quinta-feira (15).

O vice-presidente da CPI da Covid, senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), anunciou nesta quinta-feira (15) que a Comissão Parlamentar de Inquérito vai entrar em recesso e retomar as atividades no dia 3 de agosto.

Durante as férias parlamentares, de 18 a 31 de julho, os senadores não irão a Brasília. No entanto, os parlamentares garantem que continuarão as análises de documentos, cada um em seu estado.

Ver mais:

>> CPI da Pandemia que apura omissões e ações do governo é prorrogada por mais 90 dias pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco

O recesso ocorre a contragosto do presidente da CPI, Omar Aziz (PSD-AM), que havia defendido a continuidade dos trabalhos da comissão.

“Num momento em que todo dia está morrendo muita gente, não temos esse direito de ter recesso. A nossa obrigação é trabalhar sem parar. Depois que o Brasil voltar à normalidade, aí toda pessoa tem direito a férias, mas, nesse momento acho que os senadores não têm direito a isso”, disse Aziz, que não teve seu pedido atendido.

A CPI da Covid teve seu início no dia 27 de abril e o prazo final para sua conclusão era até 7 de agosto. No entanto, o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, autorizou a continuação dos trabalhos da comissão por mais 90 dias.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal