Provocação

Bolsonaro assiste no SBT jogo do Brasil na Copa América com camisa da Havan que patrocina competição na emissora

Oposição afirma que realização do torneio é desrespeito às vítimas da Covid-19. Evento deixou de ser realizada na Colômbia e Argentina por causa da pandemia.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou na noite deste domingo, 13 de junho, uma foto nas redes sociais assistindo no SBT o jogo de estreia do Brasil contra a Venezuela.

Anteriormente a competição assim como os direitos de transmissão eram da TV Globo. A seleção venceu a partida por 3 a 0 com gols de Neymar, Marquinhos e Gabigol.

A competição que reúne países da América é uma das mais importantes que antecedem a realização da Copa do Mundo e deixou de ser realizada na Colômbia e Argentina por causa da pandemia. 

Em provocação, Bolsonaro publicou uma foto nas redes sociais com a camisa do Brusque, time de Santa Catarina, patrocinado pela Havan, que também patrocina a transmissão na emissora, e aponta para o símbolo do SBT. “Bom domingo a todos.“, escreveu. 

Bolsonaro foi o responsável em trazer o competição para o Brasil. Foi muito criticado, principalmente por jornalistas esportivos da Rede Globo. 

O presidente disse que a houve “lobby” contrário da Globo porque o SBT, concorrente, transmite os jogos. O caso foi parar no STF (Supremo Tribunal Federal), que decidiu pela manutenção da Copa América no Brasil.

Leia também:
>>> Dono da Havan diz que empresa vai patrocinar SBT durante transmissão da Copa América 2021 no Brasil

Oposição

Políticos da oposição criticaram a realização do campeonato. Guilherme Boulos, do PSOL, disse que é a Copa América “mais vergonhosa da história“. “Independente dos resultados do futebol, o Brasil é o grande derrotado“, afirmou.

 

A deputada federal Marília Arraes (PT-PE) disse que, enquanto Bolsonaro comemora, “o povo morre de fome e por falta de vacina“.

STF aprova Copa América no Brasil

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votou na última quinta-feira, 10 de junho, para manter a realização da Copa América no Brasil. Por 6 votos a 5, os ministros decidiram por manter a competição no país.

De acordo com o ministro Marco Aurélio, o STF não pode substituir o Poder Executivo e exercer crivo sobre a decisão de caráter estritamente administrativo, sinalizando como se deve proceder para definir a realização ou não de evento no país. Além disso, as fronteiras continuam abertas e estão sendo realizados torneios de futebol, como o Campeonato Brasileiro, a Copa Brasil e a Libertadores da América, com a participação de times nacionais e estrangeiros, sem a presença de torcedores nos estádios.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal