Preparo

Na oposição, Mendonça diz que Priscila Krause tem condições de disputar cargo de senadora ou governadora   

O ex-ministro também citou Raquel Lyra (PSDB), Anderson Ferreira (PL), e o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), como nomes fortes o Palácio do Campo das Princesas.

O ex-candidato a prefeito do Recife pelo DEM, Mendonça Filho, afirmou que a deputada estadual Priscila Krause (DEM) teria prepara, dentro da oposição, para concorrer ao cargo de senadora ou governadora de Pernambuco nas eleições do próximo ano.

“Para mim ela pode disputar o senado, pode disputar o governo, ela tem qualidades para isso”, frisou. “Eu acho que Priscila tem estatura e dimensão para disputar qualquer cargo público em Pernambuco”, completou.

Mendonça, que também é ex-ministro e ex-governador de Pernambuco, disse apostar em alguns nomes da oposição para candidatura ao governo de Pernambuco, porém, afirmou que para essa escolha, “será preciso aguardar e acompanhar os desdobramentos” dos futuros candidatos.

Foram citados nomes do atual grupo da oposição como a prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), o prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PL), e o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB). As declarações foram dadas ao programa Manhã na Clube desta quarta-feira, da Rádio Clube Am 720, apresentado pelo titular da coluna Diario Político, Rhaldney Santos.

Sobre o cenário nacional, Mendonça disse que o DEM vai ampliar sua presença política em estados que ainda não tem representação. O ex-ministro também destacou que a sigla irá disputar com candidatos próprios para o governo em vários estados do país, como a Bahia, Mato Grosso, Goiás, Santa Catarina e Rondônia, “tendo pelo menos cinco candidaturas”, disse. “Eu tenho muita expectativa que o DEM se fortalecerá ainda mais no processo eleitoral do próximo ano”, concluiu.

Sobre a disputa para a presidência da República, Mendonça Filho defendeu o nome do ex-ministro Mandetta.  “Eu tenho muito respeito e apreço pelo nome do Mandetta”, concluindo que mesmo assim, ainda há debates para acontecer entre mais nomes e “agora é aguardar os desdobramentos para avaliarmos em que modo o partido vai se encaminhar”. Mendonça preferiu não se  posicionar sendo um segundo turno Jair Bolsonaro e Lula, pois segundo o ex-ministro não depende dele especificamente. “A gente precisa aguardar. Não dá para cravar o que o partido irá fazer”, pontuou.

Leia também: 

>>>Mendonça Filho anuncia que será candidato a deputado federal nas eleições de 2022

Ministra Ana Arras para o Senado:

Na última quarta-feira, 9 de junho, o líder do governo Paulo Câmara (PSB) na Assembleia Legislativa de Pernambuco, Isaltino Nascimento (PSB), defendeu o nome da ministra do Tribunal de Contas da União, Ana Arraes,  para a disputar a vaga de senadora pela Frente Popular de Pernambuco nas eleições do próximo ano.

“Se eu tivesse que escolher uma senador, eu apostaria em Ana Arraes para ser a candidata a senadora. Porque é uma mulher testada, experiente”, disse o parlamentar.

 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal