Pêsames

Advogado Boris Trindade morre ao 85 anos; Paulo Câmara, Eriberto Medeiros, João Campos e outros políticos emitem nota

Especialista da área criminal faleceu no sábado, 5 de junho. Ele estava internado no Recife, devido a complicações da Covid-19.

O advogado criminalista Boris Trindade morreu aos 85 anos de idade no sábado, 5 de junho, no Recife, onde estava internado devido complicações da Covid-19.

Diversos políticos emitiram nota de pesar pelo falecimento do profissional referência para a advocacia pernambucana, principalmente aos que militam na área criminal.

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB) em nota divulgada para imprensa, disse que o mundo jurídico pernambucano perdeu, um de seus maiores expoentes.

“O mundo jurídico pernambucano perdeu, hoje, um de seus maiores expoentes. O advogado Boris Trindade iniciou sua trajetória defendendo presos políticos durante a ditadura e se consolidou como um dos maiores criminalistas pernambucanos. Meus sentimentos aos parentes e amigo” disse Câmara.

João Campos, prefeito do Recife, também emitiu nota de pesar ao afirmar que Boris deixou sua marca na história de Pernambuco. 

“Meu abraço fraterno aos parentes e amigos de Boris Trindade, que nos deixou hoje. Boris foi uma referência no mundo jurídico e deixou sua marca na história do nosso estado. Que a família encontre conforto para enfrentar essa perda”, escreveu o prefeito do Recife.

Ao manifestar os sentimentos pelo falecimento de Boris Trindade, o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), deputado Eriberto Medeiros (PP), disse ter recebido a notícia com tristeza.
“Recebi com tristeza a notícia do falecimento do amigo Boris Trindade, advogado respeitado e reconhecido na área criminal em Pernambuco. Manifestamos nossos sentimentos a toda a advocacia pernambucana que perde, hoje, uma referência profissional e humana. Que Deus possa confortar seus familiares e amigos”, divulgou o presidente da Alepe.

OAB PE

A OAB Pernambuco emitiu uma nota informando que a instituição se encontra de luto e o presidente Bruno Baptista lamentou a morte de Boris Trindade e apresentou os sentimentos à família, aos amigos e admiradores.

“Boris Trindade é, e continuará sendo, uma referência para a advocacia pernambucana, principalmente para a advocacia criminal. Seu falecimento nos deixa uma lacuna enorme, mas também um grande legado de defesa firme e vigorosa dos direitos fundamentais”, declarou.

Leia também:
>>> Após estudos, Governo de Pernambuco divulga variante da Covid que predomina no Estado; saiba qual

 
 
 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal