Abertura

Paulo Câmara abre Semana do Meio Ambiente em ato conjunto com Estados do Nordeste

Em alinhamento com os chamados da Organização das Nações Unidas (ONU) pela preservação da biodiversidade e da restauração dos ecossistemas, o Plano de Ação Ambiental foi apresentado por Pernambuco, que coordena a câmara temática.

O governador Paulo Câmara participou, na manhã desta segunda-feira, 31 de maio, da abertura da Semana de Meio Ambiente, em um ato conjunto promovido pelo Consórcio Nordeste. No evento, realizado por videoconferência, foi lançado um Plano de Ação Ambiental Integrado, e assinado um acordo de cooperação técnica com a plataforma MapBiomas.

“Estamos bastante otimistas com a celebração desse acordo de cooperação técnica. Sabemos que é um importante passo para estabelecer um compromisso mútuo, a fim de promover o uso de uma ferramenta com a plataforma MapBiomas. As tecnologias, dados, informações e métodos disponibilizados por eles certamente irão aprimorar a atuação dos nossos órgãos ambientais estaduais que integram o Consórcio Nordeste”, afirmou Paulo Câmara.

Em alinhamento com os chamados da Organização das Nações Unidas (ONU) pela preservação da biodiversidade e da restauração dos ecossistemas, o Plano de Ação Ambiental foi apresentado por Pernambuco, que coordena a câmara temática.

O documento foi construído conjuntamente com os órgãos ambientais dos Estados e está dividido em cinco eixos: Boas práticas e ações integradoras; Monitoramento, gestão do conhecimento e suporte à tomada de decisões; Monetização de ativos ambientais; Restauração e conservação da biodiversidade do NE; Controle e redução dos impactos dos resíduos sólidos.

Entre as iniciativas de destaque estão a estruturação de banco de dados e parâmetros de boas práticas ambientais para fins de cooperação técnica entre os Estados; a instalação de observatórios para Zona Costeira e Marinha e para a Caatinga; criação de um plano regional de contingência para incidentes de poluição por óleo na costa; criação de um pacto pela restauração dos ecossistemas do NE; além de ações articuladas de combate ao lixo no mar e a implantação de programa de economia circular para os Resíduos Sólidos.

Vale ressaltar ainda a decisão de criar um fundo ambiental do Nordeste, visando à estruturação de operações financeiras com base em ativos ambientais.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade de Pernambuco, José Bertotti, essa agenda comum e prioritária – composta por ações, metas e prazos – fará a região avançar na proteção e conservação da biodiversidade nordestina, assim como na redução dos impactos da poluição na vida das pessoas.

“O acordo com o MapBiomas é um dos passos previstos nesse plano de ação ambiental integrado do Nordeste que reforça o compromisso pelo combate ao desmatamento e o desenvolvimento sustentável de nossa região”, enfatizou Bertotti.

Leia mais:
>>> Governador Paulo Câmara supervisiona 1º dia de funcionamento da central emergencial de oxigênio

A parceria entre o MapBiomas e o Consórcio Nordeste será a base para a produção de dados e conhecimento estratégicos no controle, monitoramento, recuperação, planejamento e combate ao desmatamento ilegal.

A plataforma do MapBiomas trabalha com imagens por satélite de alta precisão e é capaz de monitorar tanto a restauração quanto a retirada de vegetação nos biomas da região (Mata Atlântica, Caatinga e Cerrado).

A ideia é reforçar um diálogo entre as instituições ambientais, que já vinha acontecendo, ampliar a proteção à biodiversidade e potencializar a gestão florestal nos Estados, contribuindo de forma mais efetiva para o enfrentamento às mudanças do clima.

O governador do Piauí, Wellington Dias, que preside o Consórcio Nordeste, ressaltou que o Nordeste quer a ciência presente em cada área.

“Temos a condição de, a partir dos estudos, da pesquisa e do acúmulo de conhecimento ao longo do tempo, poder avançar. O Nordeste acredita e aposta muito na ciência para trabalhar nas diversas pautas prioritárias da nossa região”, disse.

Estiveram presentes ao evento a vice-governadora Luciana Santos; Tasso Azevedo, coordenador do MapBiomas; Sérgio Rezende, ex ministro da Ciência e Tecnologia no governo Lula; além de governadores ou representantes dos demais Estados do Nordeste.

Da redação do Portal com informações do Governo de Pernambuco

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal