Atuação

Gustavo Gouveia protocola denúncia contra Compesa no Ministério Público

Ação foi realizada após o parlamentar se reunir diversas vezes com representantes da organização, em busca de soluções para a regularização no abastecimento de água nas cidades de Carpina e Paudalho.

O deputado estadual Gustavo Gouveia (DEM), protocolou duas denúncias contra a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) no Ministério Público de Pernambuco em Carpina e Paudalho. A ação foi realizada após o parlamentar se reunir diversas vezes com representantes da organização, em busca de soluções para a regularização no abastecimento de água nos municípios, mas sem resolução.

“Já fui várias vezes na Compesa em busca de uma solução para esse problema, mas nada foi resolvido. Por isso, decidimos oficializar as denúncias no Ministério Público dos municípios, para que possamos, por fim, solucionar essa situação”, explica o parlamentar que também participou de uma audiência com o governador Paulo Câmara, buscando um posicionamento.

As denúncias registradas são sobre o déficit no serviço de abastecimento de água nas cidades, em alguns bairros o intervalo do rodízio é de 30 dias, prejudicando o dia a dia de milhares de famílias. Além disso, solicitou a suspensão na cobrança pelo serviço, que não está sendo cumprido, até que tudo seja normalizado.
“São muitas reclamações, a população está sofrendo com a falta de água, precisamos de respostas sobre o abastecimento. Além disso, mesmo com a baixa qualidade do serviço oferecido, as contas não param de chegar nas residências”, explica Gustavo Gouveia, que aguarda a conclusão do processo para tomar novas providências.
Acompanharam o deputado os vereadores de Paudalho: Júnior Dona, Teto do Povo, Manoel da Padaria, Alceu Gusmão, Tiago de Chã do Conselho, Irmão Miqueas, Thiago Moreira, Guga da Saúde , Heristow Aragão e Irmão Gerson. E os vereadores de Carpina: Manu Lapa, Cássia do Moinho, Júnior de Salete e Xandinho.

Ideia

A fim de assegurar a inclusão de mulheres em cargos de segurança pública no estado, o deputado estadual Gustavo Gouveia (DEM) propôs o Projeto de Lei nº 2069/2021, que reserva 20% das vagas nos concursos públicos para cargos nas Polícias Civil, Militar e Penal, às candidatas. Dessa forma, a proposta oferece um meio que garante a oportunidade do efetivo contar com profissionais independente do gênero.

De acordo com o PL, a reserva de vagas será aplicada quando o número de vagas oferecidas na seleção for igual ou superior a cinco. Além disso, as candidatas mulheres concorrerão simultaneamente às vagas reservadas e às vagas destinadas à ampla concorrência, de acordo com a sua classificação na seleção.

“Ainda existe uma grande diferença na quantidade de mulheres e homens nas corporações do estado, estamos oferecendo uma forma de diminuir essa disparidade. Além de que, não há nenhum trabalho que uma mulher não possa realizar, precisamos desmitificar essa informação e viabilizar possibilidades reais para mudar essa realidade em Pernambuco”, explica o parlamentar, que aguarda aprovação dos demais deputados em plenário e sanção do Governo do Estado.
Da redação do Portal com informações da assessoria do parlamentar

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal