Posicionamento

Deputada define como “lixo ideológico” o uso de linguagem neutra em escola estadual de Camaragibe

Clarissa Tércio visitou unidade escolar após receber denúncias e encontrou na entrada uma faixa estendida escrito a palavra Bem-Vindes.

A deputada estadual Clarissa Tércio (PSC) publicou um vídeo nas redes sociais denunciando o uso da linguagem neutra em uma escola da Rede Estadual de Ensino, localizada na cidade de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife.

Para a parlamentar, o que vem acontecendo no local é “uma verdadeira insanidade”. Clarissa também disse que a linguagem abordada na faixa de boas-vindas na escola é uma forma de introduzir a ideologia de gênero na unidade de ensino.

Veja o vídeo:

A parlamentar foi até o local depois que uma mãe enviou foto de uma faixa em que está escrito “bem-vindes” em uma das áreas coletivas da escola professor Nelson Chaves.

“A verdadeira intenção dos defensores da linguagem neutra, nas escolas é instalar o caos e a confusão na cabeça das crianças. Não podemos permitir. Em defesa da família e de seus valores, sou contra a ideologia de gênero e a linguagem neutra. Precisamos proteger nossas crianças”, disse Clarissa Tércio.

Deputada, Deputada define como “lixo ideológico” o uso de linguagem neutra em escola estadual de Camaragibe
Linguagem neutra usada em escola. Foto: Reprodução

Leia também:
>>>Clarissa Tércio usa bandeira do Brasil para exaltar atos pró-Bolsonaro do 1º de maio

Por meio de uma foto, a parlamentar também mostrou que a linguagem vem sendo usada na sala de aula. Clarissa reforçou também que o que vem acontecendo é um desrespeito à Língua Portuguesa.

“O fato é que tudo isso é não só um verdadeiro desrespeito à nossa língua, mas, uma forma de tentarem introduzir a ideologia de gênero, nas escolas. Nossos olhos não podem aprender um português ensinado errado, que quer extinguir as diferenças entre homens e mulheres”, pontuou a deputada.

No vídeo, a deputada estadual também afirmou que vai lutar nas ruas para que esse tipo de termo, que taxou como “lixo ideológico, não avance no estado de Pernambuco. A parlamentar declarou que as denuncias foram feitas e aguarda a ação dos órgãos competentes. Clarissa Tercio também destacou a importância de denunciar práticas como essa pelo canal Fiscaliza PE.

Linguagem Neutra

A linguagem neutra, ou a linguagem não-binária, é discutida para ser usada ao se referir a coletivos ou a alguém que não se encaixa no binarismo imposto pelos gêneros tradicionalmente aceitos pela sociedade, o masculino e o feminino. Visa uma comunicação mais respeitosa e inclusiva.

Segundo o “Guia de Comunicação Inclusiva” do Secretariado-Geral do Conselho da União Europeia, lançado em 2018, o objetivo de uma linguagem neutra “consiste em evitar a escolha de termos suscetíveis de serem interpretados como tendenciosos, discriminatórios ou pejorativos ao implicarem que um sexo ou um gênero social constitui a norma”.

 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal