Desobstrução

Paulista e Poder Judiciário Estadual reforçam Programa de Governança Diferenciada das Execuções Fiscais

O objetivo é atingir menor taxa de congestionamento de processos no Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

A Prefeitura da Cidade do Paulista, por meio da Procuradoria Municipal, e o Poder Judiciário Estadual dialogaram a adequação ao Pacto de Governança do Programa de Governança Diferenciada das Execuções Fiscais. O objetivo é atingir menor taxa de congestionamento de processos no Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

A segunda reunião da Procuradoria Municipal e TJPE com a finalidade do Pacto de Governança aconteceu de forma remota, no dia 14 de abril. Participaram os juízes Dr. Júlio Oley e Dra. Ana Carolina Paiva; a Procuradora Geral de Paulista, Dra. Flávia Novelino; o Secretário Executivo da Procuradoria, Dr. Khalil Gibran; os supervisores, Dr. Paulo Roberto e Dr. Terto; as procuradoras municipais de Paulista, Dra. Thaís Lundgren e Dra. Azenath Paula; e as servidoras municipais, Camila Gildo e Juliana Sobrinho.

A Estratégia Diferenciada para Execuções Fiscais foi instituída pelo Judiciário pernambucano como iniciativa do Plano Estratégico para o período 2016-2022, publicado por meio da Resolução nº 384, de 17 de maio de 2016.

Paulista
Paulista e Poder Judiciário Estadual reforçam Programa de Governança Diferenciada das Execuções Fiscais. Foto: Divulgação

Leia mais:
>>> Paulista promove capacitação de guardas municipais visando o combate à violência contra a mulher

A iniciativa foi adotada considerando que grande percentual dos processos em curso na primeira instância do Judiciário estadual é referentes à Execução Fiscal, com forte impacto na taxa de congestionamento do Tribunal.

Segundo o Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), as unidades que integram o Programa de Governança Diferenciada das Execuções Fiscais atingiram, em 2020, a maior redução da taxa de congestionamento de toda a série histórica do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE).

Mesmo com o cenário desafiador imposto pela pandemia da Covid-19 e as adaptações necessárias à continuidade das atividades dos tribunais, foi possível reduzir em 46% o acervo de processos de execuções fiscais que tramitam no 1º Grau de jurisdição.

Da redação do Portal com informações da Prefeitura do Paulista

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal