Superlotação

Vídeo: Cemitério de Camaragibe não oferece vagas e morador sofre por nove horas para enterrar corpo em outra cidade

O desabafo do cidadão foi feito nas redes sociais, por meio de um vídeo onde ele narrou toda situação que ocorreu no último sábado, 24 de abril.

Um vídeo que circula nas redes sociais desde o último sábado, 24 de abril, mostra a revolta e desespero de um morador da cidade de Camaragibe, localizada na Região Metropolitana do Recife, que resolveu registrar com imagens a dificuldade que enfrentou para enterrar um ente querido. 

O vigilante Gleison Coelho, precisou enterrar o corpo do sogro em outro município por falta de vaga no único cemitério público da cidade onde vive. O desabafo ganhou repercussão depois que o homem narrou toda situação e compartilhou na internet.

Vídeo
Cemitério Municipal de Camaragibe. Imagem: Reprodução/TV Jornal

“Recebemos a informação da administração do cemitério de que não dispomos de nenhuma vaga para sepultamento hoje. Nenhuma vaga para algum ente que venha a óbito. Fica aqui nossa indignação e nosso registro”, disse, nas imagens em frente ao equipamento.

De acordo com Gleison, a família passou mais de nove horas com o corpo do sogro pronto para ser enterrado até encontrar uma vaga no cemitério público do município de Paudalho.

“Quando estávamos lá, vimos outras famílias indo enterrar em Tracunhaém. Nas redes sociais soubemos de outros relatos”, comentou.

Leia também:
>>> Vídeo: Em Vitória de Santo Antão, ossos ficam expostos e restos mortais amontoados no cemitério da cidade

>>> Camaragibe é a última colocada no ranking de vacinação contra Covid-19 entre as cidades de PE

Problemas em dezembro de 2020

Em dezembro de 2020, foi encontrado no Cemitério Municipal de Camaragibe, um ossuário que deveria estar desativado e lacrado foi encontrado por pessoas que participavam de um velório. Uma delas gravou imagens para denunciar o abandono, o descaso e a falta de respeito encontrados no único cemitério da cidade.

As imagens, que foram gravadas por um homem que foi ao cemitério para acompanhar o enterro de um amigo. Nelas, foi possível ver corpos amontoados, misturados a ossadas humanas.

Ele contou que viu restos mortais expostos nesse local em 2019, mas, apenas desta segunda vez, decidiu registrar em imagens.

O que diz a prefeitura

O Portal de Prefeitura enviou e-mail para Secretaria de Comunicação de Camaragibe  para saber se a gestão teria interesse em se manifestar sobre o fato. Exatamente, às 15h36, o e-mail foi respondido com apenas um link em que consta um vídeo para ser baixado.

De acordo com os créditos, na gravação, aparece Eryka Luna Sec. Infraestrutura, falando a respeito do ocorrido  e apresentando justificativas.

Confira o vídeo da Prefeitura de Camaragibe na íntegra:

 
 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal