Ação

PT aciona STF por ações de combate à fome e cita “omissão” do governo Bolsonaro

O partido diz que a volta da fome no país não é só culpa da pandemia, mas sim dos "desmontes das políticas públicas de segurança alimentar".

O Partido dos Trabalhadores (PT) protocolou uma ação no Supremo Tribunal Federal (STF), na tarde da quarta-feira, 21 de abril, com pedido de medida cautelar com ações que visam o combate à fome no Brasil. No documento enviado à Corte, a legenda cita a “omissão” do governo Jair Bolsonaro na implementação de políticas públicas.

Segundo o PT, atualmente, mais de 125 milhões de pessoas (59% dos domicílios) vivem em situação de insegurança alimentar no país, em meio à pandemia de Covid-19.

“A volta da fome não é apenas culpa da pandemia. Mas dos desmontes das políticas públicas de segurança alimentar que tiraram o Brasil do Mapa da Fome, sete anos atrás, em 2014. A fome é um processo político”, disse o deputado federal e presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara, Carlos Veras (PT-PE).

Confira na íntegra o documento protocolado clicando no link

Metrópoles

Leia mais:
>>>> Bolsonaro atenta contra a democracia do país, afirma senadores do PT

Possível aliança em Pernambuco

O Diretório Estadual do Partido dos Trabalhadores – PT de Pernambuco aprovou, na noite da terça-feira, 20 de abril, resolução em que demonstra alinhamento com a estratégia da direção nacional do partido para a disputa das eleições de 2022.

Com a justificativa de derrotar o Governo Bolsonaro e fortalecer o projeto do partido, a sigla oferece a possibilidade de voltar a integrar a Frente Popular e retomar a aliança com o PSB. A estratégia dependerá da tática que a sigla definirá para os estados estando abertas as possibilidade de aliança com outras forças, indicação de nomes para eventuais composições majoritárias ou candidatura ao governo do Estado.

Até sair esta definição, o Partido dos Trabalhadores reforça que eventuais lançamentos de nomes a esses postos refletem, tão somente, manifestações de ordem individual sem suporte da instância estadual do Partido.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal