Posicionamento

Marília Arraes: “Volto a disputar qualquer cargo, inclusive ao governo do Estado”

A deputada defende o afastamento de Bolsonaro, critica Paulo Câmara e questiona o fechamento dos hospitais de campanha.

A deputada federal Marília Arraes disse que pode voltar a disputar qualquer cargo, inclusive o Governo de Pernambuco. Na ocasião, a parlamentar do PT defendeu o afastamento de Bolsonaro, critica Paulo Câmara e questiona o fechamento dos hospitais de campanha

“Nós temos um presidente que menospreza a pandemia”, lamentou a deputada e secretária da câmara federal, Marília Arraes (PT). “O Brasil caminha para o caos”. Ela defende o afastamento de Bolsonaro pela condução do presidente frente a situação que se encontra o Brasil.

A deputada criticou o governador de Pernambuco e questionou o fechamento dos hospitais de campanha para tratamento de pacientes do coronavírus.

“Paulo Câmara é um governador que não mostrou a que veio, parece que ele está ali apulso como governador de estado, que não está gostando, a impressão que dá é que está ali obrigado”, falou. “O que aconteceu com os hospitais de campanha, com todos aqueles insumos que foram comprados, no Recife foram abertos sete hospitais, alguns deles não chegaram a 30% de sua ocupação, a gente quer explicação e não tem”, salientou.

Candidata ao governo – Marília disse ao Blog do Alberes Xavier que existe um sopro de esperança para o País com a possibilidade da candidatura de Lula da Silva. A deputada admite disposição em disputar uma vaga ao governo de Pernambuco nas próximas eleições

“Disposição aqui não falta. Caso seja importante para o projeto do presidente Lula, volto a disputar qualquer cargo, inclusive ao governo do estado”, ressaltou.

Da redação do Portal com informações da assessoria de Marília Arraes 

Arrependimento 

Câmara dos Deputados aprovou, no fim da noite da terça-feira, 6 de abril, o texto-base da proposta que permite à iniciativa privada comprar vacinas contra a Covid-19 para a imunização gratuita de seus empregados, desde que doe a mesma quantidade ao Sistema Único de Saúde (SUS).

A deputada federal Marília Arraes (PT) não acompanhou a indicação de seu partido e se absteve da votação.

Parlamentar chegou a gravar um vídeo nas redes sociais e depois o excluiu. Uma nota foi divulgada onde justifica a abstenção, afirmando que recebeu várias mensagens e refletiu sobre elas.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal