Defesa

Deputado Pastor Cleiton Collins defende fala de advogado da AGU, André Mendonça, sobre Igrejas

O advogado disse que “os religiosos não estão matando pela sua fé, mas estão dispostos a morrerem por ela”.

O deputado estadual Pastor Cleiton Collins defendeu, nesta quinta-feira (08), a fala do ministro da Advocacia-Geral da União (AGU), André Mendonça que “os religiosos não estão matando pela sua fé, mas estão dispostos a morrerem por ela”.

A fala foi feita na última quarta-feira (07), na sessão do Supremo Tribunal Federal (STF), que julga se Estados e Municípios podem proibir cultos religiosos presenciais como contenção da disseminação da Covid-19.

Ver mais:

>> Pastor Cleiton Collins pede inclusão dos profissionais da imprensa no grupo prioritário para receber vacina contra covid

>> Pastor Cleiton Collins divide 50% do salário para comunidades terapêuticas para compra de alimentos durante pandemia

Para Cleiton, as pessoas estão, maldosamente, distorcendo a fala.

“André quis falar o que está escrito na Bíblia em Marcos 8:35, que diz: Porque qualquer que quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas, qualquer que perder a sua vida por amor de mim e do evangelho, esse a salvará. No sentido de dar vida ao próximo e que as boas novas sejam alcançadas, que elas não parem. Nós, cristãos, não queremos morrer nessa pandemia como estão dizendo, não é isso. E sim, dar a vida pelo evangelho em prol do outro. Estamos prontos para morrer pelo evangelho. Quero dizer que eu estou pronto para morrer pelo evangelho de Cristo”, finalizou o deputado.

André Mendonça foi duramente criticado nas redes sociais. O julgamento se deu após o ministro Kassio Nunes Marques, conceder uma liminar permitindo cultos e missas em todo o país.

Da redação do Portal com informações da Assessoria de Pastor Cleiton Collins

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal