Posição

Especialista da EMA diz que trombose e vacina AstraZeneca têm relação

Declaração foi publicada, por meio de uma entrevista, em um jornal italiano na última terça-feira, 6 de abril.

Uma entrevista do especialista responsável pela estratégia de vacinas da Agência Europeia de Medicamentos (EMA), Marco Cavalieri, publicada pelo jornal italiano Il Messaggero na última terça-feira, 6 de abril, revelou que a relação entre o uso da vacina desenvolvida pela AstraZeneca e casos raros de trombose.

“Na minha opinião, agora podemos dizer que está claro que há uma associação. Contudo, ainda não sabemos o que causa essa reação. É cada vez mais difícil dizer que não existe uma relação de causa e efeito entre a vacinação com AstraZeneca e casos muito raros de coágulos sanguíneos inusuais associados a contagem baixas de plaquetas”, afirmou o especialista.

De acordo com o Site Pleno News, O representante da EMA ainda informou que o órgão europeu deverá anunciar ainda hoje conclusões sobre a reação à vacina e “como ela acontece”.

“Estamos tentando obter uma imagem precisa do que está ocorrendo, para definir com detalhes essa síndrome devido à vacina”, explicou.

Cavalieri relatou que, “entre os vacinados, há um número maior do que o esperado de casos de trombose cerebral com deficiência plaquetária entre jovens” e acrescenta: “temos que dizer isto”.

O Representante da EMA também se refere às mulheres jovens que são frequentemente “protagonistas de casos de trombose”, mas “sofrem menos o efeito da Covid-19”, o que torna essencial estudar “a relação entre risco e benefício”.

Fonte: Pleno News

Entrega de mais vacinas ao Brasil

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) entregou cerca de 1,3 milhão de doses de vacinas Oxford-AstraZeneca ao Programa Nacional de Imunizações (PNI). O cronograma pactuado com o Ministério da Saúde seguirá o esquema de entregas semanais e está sujeito à logística de distribuição definida pela pasta, além dos protocolos de controle de qualidade, informou a assessoria de imprensa da Fiocruz. 

Por intermédio do Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos), a instituição entregou, até o último dia 31 de março, mais de 2,8 milhões do imunizante. Com a entrega de hoje, a Fiocruz totaliza mais de 4,1 milhões de vacinas produzidas e disponibilizadas ao Ministério da Saúde.

A assessoria informou, ainda, que a fundação continua trabalhando no escalonamento da produção, visando alcançar a capacidade de 1 milhão de vacinas por dia. Ainda esta semana, a Fiocruz deve receber mais um lote de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA), suficiente para a produção de 5,5 milhões de doses.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal