Convite

Bolsonaro mostra quadro de Jesus e convida população para jejum e oração contra vírus e desemprego no Brasil

Presidente publicou nas redes sociais um pedido para população participar nesta segunda-feira, 29 de março, de um Dia de liberdade pela nação.

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), utilizou conta pessoal no final da noite noite deste domingo, 28 de março, para convidar a população brasileira a participar, nesta segunda-feira, 29 de março, de um dia dedicação a jejum e oração, segundo ele, pelo bem e liberdade do Brasil.

Ainda na publicação, o chefe do Executivo nacional destacou que segue lutando contra o vírus e o desemprego, pela vida, mas, sem abrir mão de dignidade de cada cidadão.

Veja na íntegra o texto do presidente Bolsonaro.

Aos que puderem e quiserem participar, amanhã, 29/03/2021, teremos um dia de jejum e oração pelo bem e pela liberdade de nossa nação.

  • Seguiremos lutando com todas as nossas forças contra o vírus e o desemprego; pela vida, mas sem abrir mão da dignidade de cada um. A batalha é dura e dolorosa, mas juntos, ao lado de Deus, nós venceremos!
  • Abençoado seja o nosso Brasil e o povo brasileiro!

  • Bem-aventurada é a nação cujo Deus é o Senhor (Salmo 33:12)

 

 

Leia também:
>>> Bolsonaro revela pagamento da 1ª parcela do 13° de beneficiários do INSS; saiba quando

O presidente jair Bolsonaro confirmou na quinta-feira, 25 de março,  a liberação da primeira parcela do décimo terceiro salário de aposentados e pensionistas, uma vez que o Orçamento de 2021 foi aprovado pelo Congresso Nacional, também na quinta. 

“Poderemos já na próxima semana, talvez nesta, antecipar a primeira parcela do 13° a aposentados e pensionistas do INSS”, disse ele em evento, onde foram apresentadas ações para apoiar as Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do país. Pedro Guimarães, presidente da Caixa, também participou da solenidade.

Essa primeira etapa de pagamentos equivale, segundo Bolsonaro, a aproximadamente R$ 50 bilhões. 

O ministro da Economia, Paulo Guedes, já havia afirmado hoje que, assim que fosse aprovado o Orçamento, o governo federal iria antecipar os pagamentos do 13°.

“Ou seja, R$ 50 bilhões vem de dezembro para agora”, disse durante audiência pública virtual da Comissão Temporária de Covid-19, no Senado Federal. 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal