Posição

Fecomércio-PE apoia novas medidas anunciadas pelo governador Paulo Câmara

Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Pernambuco alega que as novas medidas correspondem aos pleitos dos empresários do comércio e dos outros setores produtivos.

A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Pernambuco (Fecomércio-PE) posicionou-se favorável às novas medidas anunciadas pelo Governo de Pernambuco, que estende a nova quarentena até o dia 31 de março e divulga o novo plano de convivência com a pandemia da covid-19, com regras válidas até o dia 25 de abril.

As novas medidas correspondem aos pleitos dos empresários do comércio e dos outros setores produtivos, principalmente com previsibilidade das medidas restritivas, fazendo com que as empresas se planejem para a retomada segura das atividades econômicas, a partir do dia 1º de abril, respeitando todos os protocolos, como obrigatoriedade do uso de máscara, distanciamento social e uso de álcool em gel, e horários pré estabelecidos de funcionamento das empresas.

Na ocasião, A federação aproveitou para parabenizar o Governo de Pernambuco pelas medidas e reforçou junto aos seus representados e à população em geral que a flexibilização das restrições não significa que a pandemia foi superada em Pernambuco. Muito pelo contrário, todos devem manter os cuidados de convivência com a covid-19.

Da redação do Portal com informações da Fecomércio-PE

Saiba como ficam as igrejas, comércio, praias e escolas a partir de abril com novo decreto

Pernambuco teve o período de quarentena estendido até dia 31 de março. O anúncio feito pelo governador Paulo Câmara detalha ainda que já a partir do dia 1º será colocado em prática um novo plano de convivência com a pandemia da Covid-19, com regras válidas até o dia 25 de abril.

Com isso, é importante saber como fica o funcionamento das atividades econômicas, assim como igrejas e templos religiosos, instituições de ensino da rede privada e pública, por exemplo.

O governador detalhou o horário que será permitido funcionar o comércio e quais dias da semana. As praias também serão liberadas, porém, vedada o banho de mar e atividades de esportes coletivos.

“As atividades econômicas poderão reabrir das 10h às 20h nos dias de semana, e das 9h às 17h aos sábados, domingos e feriados. As praias voltarão a ter atividades físicas individuais permitidas, e a volta às aulas estará liberada a partir do próximo dia 5 de abril, para a rede privada e para o ensino médio da rede estadual”, detalhou Paulo Câmara sobre as novas medidas, esclarecendo também que as celebrações religiosas poderão voltar a acontecer, desde que obedecendo aos protocolos e horários pré-estabelecidos.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal