Atividades

Pernambuco: Saiba como ficam as igrejas, comércio, praias e escolas a partir de abril com novo decreto

Segundo o governador, a flexibilização das restrições não significa que a pandemia foi superada e atenção nos cuidados de prevenção deve permanecer.

Pernambuco teve o período de quarentena estendido até dia 31 de março. O anúncio feito pelo governador Paulo Câmara detalha ainda que já a partir do dia 1º será colocado em prática um novo plano de convivência com a pandemia da Covid-19, com regras válidas até o dia 25 de abril.

Com isso, é importante saber como fica o funcionamento das atividades econômicas, assim como igrejas e templos religiosos, instituições de ensino da rede privada e pública, por exemplo.

O governador detalhou o horário que será permitido funcionar o comércio e quais dias da semana. As praias também serão liberadas, porém, vedada o banho de mar e atividades de esportes coletivos.

“As atividades econômicas poderão reabrir das 10h às 20h nos dias de semana, e das 9h às 17h aos sábados, domingos e feriados. As praias voltarão a ter atividades físicas individuais permitidas, e a volta às aulas estará liberada a partir do próximo dia 5 de abril, para a rede privada e para o ensino médio da rede estadual”, detalhou Paulo Câmara sobre as novas medidas, esclarecendo também que as celebrações religiosas poderão voltar a acontecer, desde que obedecendo aos protocolos e horários pré-estabelecidos.

Ver mais: 

>> Lockdown total em 13 cidades pernambucanas começa hoje (24); confira quais são os locais

>> Governo de Pernambuco não confirma prorrogação de lockdown e boatos precipitados ganham força nas redes sociais

>> Confira os municípios do Sertão do Pajeú que irão aderir ao lockdown total; saiba quando

Segundo o governador, a flexibilização das restrições não significa que a pandemia foi superada em Pernambuco.

“Pelo contrário, temos um caminho longo pela frente até a superação total desse flagelo. Todos já sabemos quais são as atitudes que permitem conviver com a doença. Faça a sua parte, use máscara e oriente as pessoas que estejam relaxando nos cuidados básicos”, advertiu Paulo Câmara, acrescentando que considera o atual momento decisivo na luta contra a doença, que já dura mais de um ano.

Da redação do Portal com informações do Governo de Pernambuco

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal