Imunizantes

Paulo Câmara anuncia chegada de mais de 177 mil doses de vacinas contra Covid-19 em Pernambuco

São 133.200 doses da Coronavac e 44.770 da AstraZeneca/Oxford. Com isso, o estado já recebeu mais de 1 milhão de imunizantes, sendo possível ampliar a imunização para pessoas acima de 65 anos em todo o território pernambucano.

Em pronunciamento nesta quinta-feira, 25 de março, o governador de Pernambuco, Paulo Câmara, anunciou a chegada de mais 177.920 doses de vacinas contra a Covid-19 ao Estado, sendo 133.200 da Coronavac e 44.720 da AstraZeneca/Oxford.

Com isso, será possível avançar em todos os municípios pernambucanos na imunização de idosos acima de 65 anos. O governador comemorou mais esse passo importante na luta contra o novo coronavírus.

“A imunização vai ajudar a diminuir o número de internações e óbitos. Na última terça-feira, nosso Estado bateu o recorde de pessoas vacinadas num único dia. Foram 51 mil pernambucanos e pernambucanas imunizados. Isso só comprova que, com disponibilidade de vacinas, temos condições de ampliar, e muito, a quantidade de pessoas protegidas”, ressaltou Paulo Câmara.

O governador alertou ainda que a população deve procurar o serviço de saúde do seu município para se informar sobre o calendário de vacinação.

“Ajude os idosos que você conhece a se cadastrarem para serem imunizados”, completou.

Com mais essa chegada, sobe para 1.438.880 o número de doses de vacinas contra a Covid-19 já recebidas em Pernambuco. Desse total, 1.192.160 foram da Corinavac e 246.720 da Astrazeneca/Oxford/Fiocruz.

O Estado também vai poder vacinar 100% dos idosos com mais 70 anos com a primeira dose e ainda dar prosseguimento à vacinação dos quilombolas, a partir desta nova remessa.

Leia mais:
>>> Governo de Pernambuco não confirma prorrogação de lockdown e boatos precipitados ganham força nas redes sociais

Memória

O Brasil passou a triste marca de 300 mil mortes pelo coronavírus. Em Pernambuco, já são quase 12 mil vítimas confirmadas. Há um ano, em 25 de março de 2020, o estado registrava a primeira morte causada pela doença. Como forma de homenagear todos os pernambucanos que não resistiram às complicações do vírus, a data foi escolhida como Dia Estadual em Memória às Vítimas da Covid-19.

Através da Lei nº 17.083/2020, de autoria do deputado estadual Romero Albuquerque (PP), a data foi incluída no calendário oficial de eventos e datas comemorativas do Estado e deve ser lembrada todos os anos.

A primeira vítima da doença em Pernambuco foi um idoso de 85 anos, morador do bairro de Areias, na Zona Oeste do Recife. Desde então, pernambucanos de diversas idades, de diferentes classes sociais, com ou sem comorbidades, vivendo no estado ou em outros lugares do mundo, perderam suas vidas.

Da redação do Portal com informações do Governo de Pernambuco

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal