Doação

Empresário Luciano Hang vai doar 10 milhões de vacinas para o Brasil

Uma reunião foi marcada para sexta-feira (26) com o novo ministro da saúde, Marcelo Queiroga para saber como deve proceder com as compras.

O empresário Luciano Hang está disposto a doar 10 milhões de vacinas se o congresso autorizar. O dono das lojas Havan esteve na tarde desta quinta-feira (25) com o Ministro da Economia Paulo Guedes e disse que já dispõe do dinheiro para bancar a doação.

Uma reunião foi marcada para sexta-feira (26) om o novo ministro da saúde, Marcelo Queiroga para saber como deve proceder com as compras.

O ramo empresariado é encabeçado por Luciano Hang e Carlos Wizard, que se tornaram os porta-vozes da fatia do empresariado interessada em comprar vacina para imunizar seus funcionários antes do fim da vacinação dos grupos prioritários pelo SUS.

Ver mais: 

>> Justiça determina que Folha de SP e Patrícia Mello indenizem Luciano Hang

A dupla levou um abaixo-assinado que pede liberação para que o setor privado possa comprar e aplicar vacinas em seus funcionários, enquanto o SUS imuniza os grupo prioritários. Hang e Wizard dizem ter conseguido 140 mil assinaturas.

“O povo tem pressa, quer vacina. E nós acreditamos que a iniciativa privada pode ajudar muito na aceleração deste processo”, disse o dono da Havan.

O plano é alcançar 10 milhões de vacinas. Na campanha, eles dizem que vão doar os imunizantes. A legislação não permite comercializar o produto.

“A iniciativa privada tem mais velocidade de conseguir as vacinas, trazer para o Brasil, vacinar os nossos colaboradores. Enquanto isso, o SUS vacina os prioritários”, diz Hang.

Na semana passada, os dois empresários lançaram uma campanha para pedir mudança na legislação que liberou a compra de vacinas pela iniciativa privada.

 

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal