Protegido

Dom Fernando recebe primeira dose da vacina contra a Covid-19

Arcebispo de Olinda e Recife foi imunizado na manhã deste sábado, 13 de março, no Geraldão com a presença do prefeito João Campos.

Na manhã deste sábado, 13 de março, o arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido, recebeu a primeira dose da vacina da Covid-19. O sacerdote foi até o Geraldão, localizado no bairro da Imbiribeira, no Recife, acompanhado de funcionários da Arquidiocese de Olinda e Recife.

Dom, Dom Fernando recebe primeira dose da vacina contra a Covid-19
Sacerdote tomou a dose do imunizante no Geraldão. Foto: Reprodução

Também esteve no local para acompanhar a vacinação do padre, o prefeito do Recife, João Campos. Em uma publicação nas redes sociais da Arquidiocese de Olinda e Recife, o bispo fez um apelo, pedindo para que a vacina chegue para todos.

Dom, Dom Fernando recebe primeira dose da vacina contra a Covid-19
Dom Fernando e o prefeito do Recife, João Campos. Foto: Reprodução

No mês de fevereiro, Dom Fernando Saburido recebeu o diagnóstico positivo para a Covid-19. O sacerdote precisou ficar internado para realizar exames e cumpriu o isolamento de duas semanas em casa, tendo o acompanhamento da médica que assiste o sacerdote, Rita de Cássia Ferreira.  Na época, o  arcebispo não participou das celebrações da quarta-feira de Cinzas e da abertura da Campanha da Fraternidade Ecumênica de 2021.

No dia 24 de fevereiro, Dom Fernando Saburido comunicou que poderia  voltar às atividades pastorais depois de se recuperar da doença.

Leia também:
>>>Evangélicos protestam e pedem igrejas como essencial; líder católico emite carta complacente e de obediência ao decreto

Posicionamento

No domingo, 7 de março, a Arquidiocese de Olinda e Recife emitiu uma nova carta de posicionamento sobre o decreto estadual. Dom Fernando assina o documento e diz obedecer a decisão, pois, valoriza antes de tudo a vida. Cita ainda a atuação do Legislativo que pode tomar decisão para reverter a questão e pontua medidas mais eficazes para evitar as aglomerações no transporte público coletivo e nas filas de agências bancárias, por exemplo.
Carta do Arcebispo de Olinda sobre decreto estadual. Católicos e evangélicos buscam solução da questão.
Carta do Arcebispo de Olinda sobre decreto estadual. Católicos e evangélicos buscam solução da questão. Imagem: Divulgação

Durante a homilia deste domingo, em celebração na igreja catedral da Sé, Dom Fernando dedicou um tempo para relacionar a palavra sagrada com a situação atual.

Deixe seu comentário

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Enviar Mensagem
Entre no Grupo de WhatsApp do Portal